Segunda-feira, 18 de junho de 2018

“Só nos resta decidir o que fazer com o tempo que nos resta”, Gandalf, em ‘O senhor dos anéis’

Só nos resta decidir o que fazer

‘Só nos resta decidir o que fazer com o tempo que nos resta” é a frase com que Gandalf coloca diante dos homens a decisão de morrer ou lutar contra o mal

Chegou o Ano Novo. Feliz 2018. A frase-título é do mago Gandalf, personagem de J.R.R. Tolkien (John Ronald Reuel Tolkien). É o autor da trilogia “O senhor dos anéis”. “Só nos resta decidir o que fazer com o tempo que nos resta” é uma frase decisiva na trama. E em nada diferente do que temos pela frente, agora, individual e coletivamente.

Gandalf estava desolado. Lutou o tempo inteiro para tentar evitar o avanço de Sauron, personificação do mal. Este havia formado um exército aparentemente invencível e estava às portas. A derrota parecia questão de tempo. Novas forças se juntaram, o bem se agigantou e o herói improvável Frodo cumpriu a missão de destruir o anel. O bem venceu o mal.

O brasileiro costuma dizer, ainda embriagado por Natal e Réveillon, que o ano só começa para valer após o Carnaval. Não é verdade. Primeiro que indivíduos e empresas precisam produzir, até junho, para satisfazer à voracidade do grande sócio, o Governo Federal. Explicação: os impostos pagos o ano inteiro representam o total ganho nos primeiros seis meses pelos brasileiros.

 

Só nos resta decidir o que fazer

O “maluco” Donald Trump, empresário, capitalista até a medula, acaba de reduzir os impostos dos Estados Unidos. O máximo a ser pago pelas empresas cai de 35% para 21%. Para pessoas físicas a redução é de 2,6%.

‘Job, job, job”, emprego, emprego, emprego, repetiu Trump, ao explicar a reforma. Empresas, pagando menos impostos, vão contratar mais e fazer o país voltar a crescer.

O Brasil tem a chance de mexer nas entranhas, este ano. O brasileiro vai às urnas para eleger presidente, governador, dois senadores e, no caso do Amazonas, oito deputados federais e 24 estaduais.

Exemplo do que é possível?

O Brasil se indigna com a lei que permite a senadores e deputados se safarem de punição. Basta que os pares digam “não” ao STF. O processo para e só será retomado quando acabar o mandato. Os distintos senadores processados se candidatam, então, à reeleição. Em última análise, a decisão não é dos senadores. É do cidadão, que, com o voto, pode mandar o sujeito às barras dos tribunais.

O Brasil está, como Gandalf, diante da hora da escolha do que fazer com o tempo que lhe resta. Se cruzar os braços, episódios como o roubo da saúde no Amazonas vão continuar. Milhares continuarão morrendo nas filas ou até sem saber do que morrem.

O tempo é de suor. Talvez de lágrimas. Só não pode ser de ócio. É tempo de mudar. Feliz Ano Novo.

Veja também

Árbitro de vídeo falha e Brasil empata na estreia contra uma Suíça renovada Árbitro de vídeo falha e Brasil empata na estreia contra uma Suíça renovada. Neymar, muito marcado, não correspondeu O zagueiro Miranda foi nitidamente empurrado. A transmissão do jogo, feita por emissora contratada pela Fifa, mostrou claramente. O árbitro da partida Bra...
Conheça a morena bela dos Amigos do Garantido, concurso que já foi vencido pela Miss Brasil. Veja ví... Conheça a morena bela dos Amigos do Garantido, que agora é dona do posto que um dia já foi da atual Miss Brasil. Fotos: Luciano Bittencourt Thayandra Miranda, 22, é a Morena Bela de 2018. Ela foi escolhida no sábado (16/06), durante a feijoada do Movimento Amigos do Gara...
EXCLUSIVO Três homens assaltam stand de tiro e levam armas e munições para começar uma guerra EXCLUSIVO Três homens assaltam stand de tiro e levam armas e munições do local que forma campeões, como Márcio Gabriel, o Biel, 20, vencedor de competições desde os 10 anos Três homens assaltaram o stand da Associação e Clube de Tiro da Amazônia Ocidental (ACTAO) na noit...
Rua Santa Isabel no Vila da Prata transmite jogos do Brasil em telão LED   Foto: Divulgação Já imaginou assistir aos jogos da Seleção brasileira em um telão LED e com som digital durante a Copa do Mundo FIFA Rússia 2018? A Rua Santa Isabel, do bairro Vila da Prata, na Zona Oeste de Manaus, se vestiu de verde e amarelo para receber os ...
Mesmo com chuva, mais de mil pessoas participam do ‘Aulão do Amor’ na Arena da Amazônia... Foto: Divulgação Mais de mil pessoas marcaram presença no Love Class (o "Aulão do Amor") que aconteceu na noite deste sábado (16), no Podium da Arena da Amazônia, no bairro Flores, zona centro-sul de Manaus. O evento contou com o apoio do Governo do Estado, por meio da Sec...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook