Garantido traz magia e fascínio da Amazônia para o Bumbódromo

O Boi-Bumbá Garantido abriu o 52º Festival Folclórico de Parintins, na noite de sexta-feira (30/06), às 21h30, desenvolvendo este ano o tema “Magia e Fascínio no Coração da Amazônia”.

A primeira noite trouxe o subtema “Amazônia Mágica e Fascinante”, que exalta a Amazônia como divina, mágica e maravilhosa para os povos da floresta. No contexto geral, o bumbá Garantido descreve a Amazônia como sendo um paraíso, uma região fantástica e fascinante, criada em milhões de anos e, infelizmente, degradada em apenas cinco séculos. 

O levantador de toadas Sebastião Júnior defendeu a toada ‘Minha Natureza’ e mostrou seus talentos de instrumentista tocando piano.

No item lenda amazônica, o Garantido apresentou “Nosoken, a Floresta Encantada”, retratando o mito da criação do mundo Sateré-Mawé e do surgimento do guaraná. A alegoria do artista Júnior Feijó trouxe a cunhã-poranga Rayssa Bandeira, que fez sua estreia defendendo o item, e o pajé André Nascimento, que participou da encenação da lenda.

A Porta-Estandarte Daniela Tapajós veio na Figura Típica “Quilombolas da Amazônia”, do artista Juciê Santos.

Na Celebração Folclórica “O Auto do Boi na Amazônia”, com alegoria de Jair Mendes, o pajé, André Nascimento, reviveu o boi Garantido.

A magia da Amazônia foi levada ao bumbódromo, na primeira noite do festival.

A Porta-Estandarte Daniela Tapajós estreou na arena.

Belas alegorias marcaram a primeira noite do Garantido.

A Rainha do Folclore Isabelle Nogueira.

A cunhã-poranga Rayssa Bandeira, que fez sua estreia defendendo o item.

 

Veja também
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *