Após assumir vaga de Sabino, Gedeão destaca trajetória política no primeiro discurso como deputado

Em seu primeiro discurso na Câmara dos Deputado, Gedeão Amorim fez um balanço de sua gestão na Secretaria de Educação. Foto: Divulgação

O plenário da Câmara dos Deputados retomou oficialmente as sessões ordinárias na tarde desta terça-feira, 6. Estreante na Casa Legislativa, o deputado Gedeão Amorim (MDB) destacou, no primeiro discurso, sua trajetória na gestão pública do Amazonas e, entre suas ações, ele citou os avanços à frente da Secretaria de Estado de Educação (Seduc). Gedeão assumiu a vaga do deputado Sabino Castelo Branco, que está internado desde agosto de 2016 após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC) hemorrágico em Manaus.

De acordo com o parlamentar, quando assumiu a Seduc, o Amazonas estava na 26° posição do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica do Brasil (Ideb) e em um período de sete anos (2005 a 2012), o Estado passou a ocupar o 8° lugar no Ideb.

“Também na condição de Secretário de Educação tive a oportunidade de promover um case mundial, criando um Centro de Mídias, através de satélite, para oferecer educação básica nos lugares mais distantes do Amazonas”, apontou Gedeão.

Atualmente, o Centro de Mídias da Seduc está presente nos 62 munícipios amazonenses e já ajudou na formação de mais de 32 mil alunos residentes em comunidades rurais. O projeto conta com uma trajetória significativa de prêmios no Brasil e no exterior.

Incentivos

Ainda como gestor da Seduc, Gedeão Amorim disse que ajudou a criar uma legislação na Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM) para conceder incentivos para a obtenção de méritos. “Esta lei dava para cada educador, cada profissional daquela escola que atingisse determinado índice, o 14º, às vezes o 15º, e até o 16º salário, por incentivos. Isso fez o Amazonas obter um grande avanço”, apontou o Deputado.

Déficits

Gedeão reiterou ao parlamento uma série de preocupações para todos os políticos da bancada do Amazonas, como os déficits históricos de infraestrutura dos serviços públicos, de educação básica, de saúde e de desenvolvimento, principalmente, no que diz respeito a subtração dos incentivos fiscais.

“As dificuldades que estamos tendo com esse momento de crise da economia com o nosso distrito industrial de Manaus. Trago também uma imensa capacidade de contribuir com o debate, para fazer com que o Amazonas se integre efetivamente ao Brasil”, concluiu.

Veja também

Azul desmente no Twitter notícia sobre queda de avião com 80 passageiros #fakenews A Azul Linhas Aéreas desmentiu um boato fortemente disseminado em grupos de WhatsApp e FaceBook esta noite (21/02). Um avião da empresa, partindo de Belém a caminho de Cuiabá (MT), teria caído com 80 passageiros. "Informamos que nossas operações seguem normalmente, sem incid...
Luiz Castro reforça denúncia contra empresas terceirizadas da área de Saúde O deputado Luiz Castro disse que há servidores sem receber salários há quatro meses. Foto:O deputado Luiz Castro (Rede) voltou a denunciar nesta quarta-feira (21) as empresas contratadas pelo Governo do Estado para prestar serviços aos hospitais de Manaus e que atrasam ...
Seis de 10 vetos do governo são derrubados em votação na Assembleia Legislativa Na pauta de votação constavam 17 matérias, sendo dez vetos do Governo do Estado. Foto: Aleam/DivulgaçãoCom uma pauta onde constavam 17 matérias – sendo dez vetos do Governo do Estado a matérias aprovadas em plenário no final do ano passado e sete Projetos de Lei de auto...
Moradores denunciam comércios irregulares no condomínio Cidade Jardim Comércios de estivas funcionam no conjunto residencial. Foto: DivulgaçãoMoradores do condomínio residencial Cidade Jardim, localizado na avenida Constantino Nery, bairro Chapada, zona centro-sul de Manaus, denunciam que no local funcionam diversos estabelecimentos comer...
Embrapa oferece cursos gratuitos de produção de banana e cultivo de tambaqui A Embrapa Amazônia Ocidental oferece dois cursos gratuitos durante o mês de março. Foto: DivulgaçãoCom o objetivo de capacitar tecnicamente produtores e técnicos de Assistência e Extensão Rural (Ater), a Embrapa Amazônia Ocidental oferece dois cursos gratuitos durante o...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook