Idoso condenado a 18 anos de prisão por estupro de vulnerável contra neta é preso

Homem praticou o crime em 2015 contra sua neta, com 8 anos na época.

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), com o apoio da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), deflagrou, na manhã de terça-feira (28/06), por volta das 10h, ação policial que resultou no cumprimento de mandado de prisão em razão de sentença condenatória em nome de um homem de 70 anos, pelo crime de estupro de vulnerável cometido contra sua neta. O crime ocorreu em 2015, quando a vítima tinha 8 anos.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da Depca, a prisão ocorreu na residência do infrator, no bairro São Jorge, zona oeste de Manaus.

“Tomamos conhecimento da prática criminosa quando a mãe da vítima compareceu à delegacia, para relatar que o avô de sua filha praticou ato libidinoso com conjunção carnal contra a menina”, disse a delegada.

Ordem judicial e prisão

A titular contou que a ordem judicial em nome do indivíduo foi expedida no dia 22 de junho de 2020, pela juíza Patrícia Chacon de Oliveira Loureiro, da 1ª Vara Especializada em Crimes contra Dignidade Sexual de Crianças e Adolescentes.

“Conseguimos prender este homem após as equipes de investigação localizarem sua residência”, falou.

Procedimentos

O homem foi condenado a 18 anos por estupro de vulnerável e ficará à disposição do Poder Judiciário.

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.