SES-AM divulga balanço de atendimentos em saúde durante Festa dos Visitantes

SES-AM divulga balanço de atendimentos em saúde durante Festa dos Visitantes

Durante a Festa dos Visitantes do 55º Festival Folclórico de Parintins, realizada na quinta-feira (23/06), foram prestados 194 atendimentos na estrutura montada para dar suporte em saúde na Ilha Tupinambarana (a 369 quilômetros de Manaus).

Os dados são da Sala de Análise de Situação de Saúde, instalada para o festival deste ano pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) e em parceria com a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) e a secretaria municipal de saúde do município.

Foram realizados 129 atendimentos no Hospital Jofre Cohen, 63 na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e dois na Festa dos Visitantes. Ao todo, foram 187 procedimentos realizados, a maioria administração de medicamentos, com 97 atendimentos, em seguida estão os exames de raio-X, outros exames, curativo, aferição de pressão arterial e exames laboratoriais.

“Na Festa dos Visitantes já estávamos com a equipe de saúde montada. Em torno de 200 atendimentos, ontem, nada grave. Tivemos somente um acidente de trânsito que a paciente já está com programação para ser transferida para Manaus. Estamos reunindo todos os dias, vendo e aplicando os protocolos de segurança em saúde para que todos fiquem com mais tranquilidade durante o festival”, ressaltou o secretário de Estado de Saúde, Dr. Anoar Samad.

Tipos
Entre as principais causas para os atendimentos em saúde, estão diarréia (23%), síndrome gripal (19%), trauma (10,3), acidentes de trânsito (7,1%) e Infecção Relacionadas à Assistência à Saúde (4%), além dos atendimentos de Faringoamigdalite, Covid-19 e acidentes de trabalho que representam 2,4% cada. Houve ainda 1,6% de atendimentos relacionados à hipótese diagnóstica de tuberculose.

Dos 194 pacientes atendidos nas últimas 24 horas, 174 receberam alta, 17 precisaram ficar em observação, dois se evadiram do local de atendimento e um necessitou de transferência do posto de atendimento para uma unidade de maior complexidade.

Os dados apontam que 172 dos atendimentos foram de pacientes do Amazonas, sendo 138 residentes de Parintins. Outros quatro pacientes são turistas nacionais e um turista internacional necessitou de assistência.


Suporte
A SES-AM montou em Parintins uma estrutura para dar assistência em saúde para todos os visitantes e moradores da ilha durante o festival. São mais de 60 profissionais enviados ao município para dar suporte nos atendimentos.

“Reabrimos o Hospital Padre Colombo, que tem nos dado apoio muito grande principalmente nos leitos de retaguarda. Não é uma unidade porta aberta. Temos o apoio do município com o Hospital Jofre Cohen com bastante funcionários. Trouxemos três ambulâncias, de última geração, também para atendimentos”, reforçou Dr. Anoar Samad.

Para o atendimento de saúde durante as apresentações de Garantido e Caprichoso, foram instalados no Bumbódromo dois ambulatórios (Azul e Vermelho) com seis leitos, sendo dois deles com equipamentos de Suporte Avançado de Vida. Para atender os ambulatórios, foi implantada farmácia/almoxarifado satélite, com insumos e medicamentos necessários para assistência à população.

Já os eventos de saúde ocorridos na área externa do Bumbódromo, os locais de atendimento são a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) 24h e o Hospital Jofre Cohen, que possui 11 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) entregues pelo Governo do Estado em outubro de 2021.

A SES-AM enviou, ainda, cinco mil insumos para a saúde, além de medicamentos, para atender a demanda decorrente do período do festival. Entre os materiais dispensados pela Central de Medicamentos do Amazonas (Cema), estão luvas, seringas, máscaras, tubos para intubação, reanimador manual, dreno, catéter, atadura, álcool e algodão, entre outros.

Além dos ambulatórios, três ambulâncias estão atuando na ilha nos eventos que antecedem as apresentações dos bumbás e, também, no suporte às ações de saúde nas três noites do festival.

As ambulâncias estão estacionadas em três pontos estratégicos da ilha, durante o período diurno: no aeroporto Júlio Belém, em plantão de 24h; no balneário Cantagalo, localizado na comunidade do Aninga; e na Praça Digital, no centro da cidade, das 7h às 18h. No período noturno as ambulâncias estarão no Bumbódromo, para dar suporte aos eventos de saúde durante as apresentações dos bois Caprichoso e Garantido.

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.