FDA autoriza uso emergencial das vacinas da Moderna e Pfizer para bebês de 6 meses

FDA autoriza uso emergencial das vacinas da Moderna e Pfizer para bebês de 6 meses

A Food and Drug Administration (FDA), órgão dos EUA semelhante à Anvisa, aprovou o uso emergencial das vacinas contra a Covid-19 da Pfizer e da Moderna para bebês a partir de 6 meses de idade. O anúncio foi feito nesta sexta-feira (17).

“Muitos pais, cuidadores e médicos estão esperando por uma vacina para crianças mais novas e esta ação ajudará a proteger crianças de até 6 meses de idade. Como vimos com grupos etários mais velhos, esperamos que as vacinas para crianças mais novas forneçam proteção contra os resultados mais graves da Covid-19, como hospitalização e morte”, disse o comissário da FDA Robert M. Califf.

“Podem ter confiança na segurança e eficácia dessas vacinas ter certeza de que a agência foi minuciosa em sua avaliação dos dados”, acrescentou.

A vacina da Moderna já havia sido autorizada para uso em adultos com idade igual ou superior a 18 anos, e agora inclui o grupo de pessoas de 6 meses a 17 anos de idade.

Crianças

Já a vacina da Pfizer previa a vacinação contra a Covid para crianças com cinco anos de idade ou mais, e passa a contemplar bebês a partir dos 6 meses até crianças de 4 anos também.

“Como acontece com todas as vacinas para qualquer população, ao autorizar vacinas contra a Covid a faixas etárias pediátricas, a FDA garante que nossa avaliação e análise dos dados sejam rigorosas e completas”, disse Peter Marks, diretor do Centro de Avaliação e Pesquisa Biológica da FDA.

“Além de garantir que os dados dessas vacinas atendessem aos rigorosos padrões da FDA, a convocação de um comitê consultivo pela agência foi parte de um processo transparente para ajudar o público a ter uma compreensão clara dos dados de segurança e eficácia que apoiam a autorização dessas duas vacinas. para populações pediátricas”, concluiu.

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.