Contra ZFM: Bolsonaro zera IPI e inviabiliza indústria de concentrados no PIM

Contra ZFM: Bolsonaro zera IPI e inviabiliza indústria de concentrados no PIM

Após sinalizar ao governador Wilson Lima (UB) que buscaria meios para manter a competitivida da Zona Franca de Manaus, o presidente da República Jair Bolsonaro editou na noite da quinta-feira (28) um decreto que zera a alíquota do Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI) e altera a Incidência sobre Produtos Industrializados (TIPI) para processos de bebidas não alcoólicas.

A medida atinge diretamente o Polo de Concentrados da Zona Franca, que possui empresas de refrigerantes e bebidas no rol de fábricas incentivadas. Cerca de 4 mil empregos diretos e indiretos estão ameaçados com a decisão, já que empresas podem sair do modelo econômico regional em razão da alteração do IPI, o que garantia os benéficos de estar no PIM.

Em dezembro de 2021 o governo Federal havia editado um decreto do Ministério da Economia reduzindo a alíquota do IPI para 6%.

Por Hector Muniz

IMG_3807

PUBLICIDADE
Tags: IPI, Suframa
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.