Em janeiro, Amazonas registra alta de até 300% em novos casos, chegando a mais de 53 mil

Em janeiro, Amazonas registra alta de até 300% em novos casos, chegando a mais de 53 mil

O recorde de número de novos casos foi batido no último dia 20, quando foram notificados 8.319 no Amazonas. Comparando períodos de janeiro de 2021 e 2022, entre os dias 10 e 22 – quando começou a alta expressiva de notificações -, o Estado teve uma alta de 300% com novas pessoas infectadas de Covid-19.

Ano passado, no mesmo período de 10 a 22, foram registrados 17.597 casos contra 53.013 novos só deste ano. A explosão é no número de novos contaminados que testam positivo, não tendo reflexo proporcional nas internações e nem em óbitos, como o que se viu em janeiro de 2021, quando o Estado também viveu a crise da falta de oxigênio.

Ontem, a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), por meio do Boletim Diário de Covid-19, edição de nº 658, informou o diagnóstico de 7.467 novos casos de Covid, totalizando 488.762 casos da doença no Estado.

Conforme o boletim, foram confirmados 4 óbitos pela Covid-19 ocorridos na sexta-feira (21/01), elevando para 13.881 o total de mortes.

Medidas preventivas à Covid-19 – O uso da máscara de proteção respiratória, manter a distância entre as pessoas, lavagens das mãos com água e sabão e/ou a utilização de álcool a 70% e a adesão à imunização, realizada na Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19, são as recomendações consideradas fundamentais no controle da circulação do novo coronavírus (SARS-CoV-2), que continua presente no Estado.

Referência – A FVS-RCP é responsável pela Vigilância em Saúde do Amazonas e atua no monitoramento de doenças no estado. A instituição funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na avenida Torquato Tapajós, 4.010, Colônia Santo Antônio, Manaus.

Veja abaixo os dados de internações do mês de janeiro de 2021 e 2022:

Boletim 2021 – janeiro

Boletim 2022 – janeiro

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.