Mais de 600 veículos foram apreendidos, este ano, por irregularidades no transporte urbano

Foto: Divulgação

Parte das ações da Prefeitura de Manaus, para oferecer melhorias aos serviços de transportes na capital, somente neste ano, resultaram na apreensão de 611 veículos, pela Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), em operações de combate à atividade irregular e clandestina.

Motocicletas usadas para fazer transporte clandestino representam o maior número de veículos apreendidos, totalizando 460 apreensões. Em segundo lugar, no número de apreensões, aparecem os táxis, com 37 veículos recolhidos ao parqueamento da SMTU e, ainda, apreensão de 27 mototáxis, todos com irregularidades na documentação, tais como não pagamento de taxas obrigatórias e ausência do chamado “carteirão”, que autoriza a prestação de serviço.

TCE 68 anos

Em relação aos modais Alternativo e Executivo, a SMTU apreendeu 15 e 19 micro-ônibus, respectivamente, em cada modal, até o mês de julho deste ano, com questões relacionadas à má conservação dos veículos.

O superintendente da SMTU, Franclides Ribeiro, explica que as fiscalizações são cotidianas e abrangem todas as zonas da cidade para oferecer um serviço de melhor qualidade aos usuários. “A melhoria do sistema passa, necessariamente, pela otimização e ordenamento dos modais de transporte que atendem a cidade. Para atingir esse objetivo, os fiscais da SMTU estão realizando as operações diariamente e contam com o significativo apoio da Polícia Militar e também de agentes do Manaustrans”, informa.

A atuação no combate ao transporte clandestino e irregular tem se intensificado com convênio entre a Superintendência e a Polícia Militar, que dá apoio às operações e oferece maior segurança às ações de fiscalização. A multa para quem for apanhado em motocicletas de forma irregular é de 15 Unidades Fiscais do Município (UFMs), equivalente a R$ 1.526,70, e 30 UFMs, em caso de reincidência. O condutor tem, ainda, o veículo apreendido.

Veja também
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *