Segunda-feira, 23 de julho de 2018

Programa Diário da Manhã


Ouvir a Rádio Diário Ao Vivo

Bebê nasce com microcefalia em Manaus. Semsa investiga possível relação com zika

homero miranda

O secretário Homero de Miranda Leão Neto disse que a microcefalia do bebê foi detectada durante a gravidez. Foto: Divulgação

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) está aguardando o resultado do Laboratório Central de Saúde Pública do Amazonas (Lacen), do Governo do Estado, para confirmar se a microcefalia do bebê do sexo feminino, que nasceu no último dia 20 de junho na Maternidade Balbina Mestrinho, tem relação com o zika vírus. A mãe contraiu zika durante a gravidez e foi acompanhada na Unidade Básica de Saúde Nilton Lins, no Parque das Laranjeiras, que é o Serviço de Referência Obstétrica da Prefeitura de Manaus para gestantes que tiveram a doença. Manaus já tem 19 bebês notificados com microcefalia.

A mãe tem 21 anos, mora no bairro Zumbi (zona Leste) e teve o bebê prematuro, com 29 semanas. “Durante a gravidez, na ultrassom já foi detectada a microcefalia por profissionais de saúde e a mãe teve todo o acompanhamento com pré-natal, psicólogos e assistente social, e orientação com equipe multiprofissional sobre parto, nascimento, puerpério e puericultura, assistência psicossocial com ênfase para a estimulação desta detecção precoce da microcefalia e a possível relação com o zika, já que a doença foi confirmada na mãe”, explicou o secretário municipal de Saúde, Homero de Miranda Leão Neto.

A gestante continuará sendo acompanhada no puerpério (durante 45 dias após o parto) com os profissionais da UBS Nilton Lins. O bebê será assistido também nos espaços exclusivos que a prefeitura criou para o acolhimento nos Ambulatórios de Seguimento do Bebê de Alto Risco, com pediatras e enfermeiros, agendamento de consultas e exames especializados, com prioridade.

Os ambulatórios realizam entre seis a 18 consultas por mês, nas nove unidades disponíveis. São duas na zona Leste – as UBSs Amazonas Palhano e Geraldo Magela -; três na zona Norte – UBSs Armando Mendes, Áugias Gadelha e Sálvio Belota -; duas na zona Oeste – UBSs Deodato de Miranda Leão e Leonor de Freitas -; e duas na zona Sul – UBSs São Francisco e Lourenço Borghi.

O Informe Epidemiológico do Centro Integrado de Operações Conjuntas da Saúde (Ciocs), divulgado nesta quarta-feira, 22, pela Semsa, apontou que Manaus tem 4.904 casos notificados de zika vírus, com 1.669 confirmados, 2.485 descartados e 750 permanecem em investigação. Grávidas são 963 notificadas, com 288 confirmações e 516 com a doença descartada e 159 estão em investigação. Dezenove bebês foram notificados com microcefalia em Manaus, com um caso confirmado por infecção por zika, quatro que não têm relação com a doença, quatro casos descartados e dez em investigação.

O número de denúncias do Disque Saúde (0800 280 8 290) chegou a 4.893, sendo que 4.519 locais já foram vistoriados. A Semsa já inspecionou também, por meio da Vigilância Sanitária do Município (Visa Manaus), 1.426 locais, dos quais 111 foram autuados. A Semsa também implantou 1.689 Brigadas de Combate ao Aedes, com 8.902 pessoas capacitadas.

Protocolo de atendimento

Homero disse que o prefeito Arthur Neto determinou que fosse feito um protocolo de atendimento e acompanhamento de todos os casos suspeitos de zika. Mesmo sem a confirmação da doença, cada caso em Manaus está sendo acompanhado individualmente pelos profissionais de saúde. “O objetivo é evitar o avanço da doença, enfocando principalmente na prevenção à infecção pelo zika vírus em grávidas”, afirmou.

A meta, segundo Homero, é permitir que os pacientes, principalmente mulheres grávidas, recebam atendimento médico e laboratorial o mais rápido possível, além de possibilitar o início imediato das ações dos agentes de endemias na eliminação de focos do mosquito na área onde o caso foi notificado.

De acordo com o fluxograma da Semsa, as gestantes que forem atendidas nas Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSFs) ou em Unidades Básicas de Saúde (UBSs), e que apresentarem sintomas para a doença, serão encaminhadas a UBS Nilton Lins.

Logo após o primeiro atendimento médico em qualquer Unidade Básica de Saúde ou nas unidades da rede privada, o profissional de saúde deve realizar de forma imediata a notificação do caso ao Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs), que inicia os procedimentos para investigação epidemiológica e bloqueio mecânico/químico, que consiste na eliminação de locais criadouros do mosquito Aedes aegypti num raio de 300 metros em torno do local onde houve registro de casos suspeitos, associados à aplicação de inseticida para eliminação do mosquito na fase alada.

“A Vigilância também realiza a investigação de cada caso notificado com uma equipe de profissionais que acompanha o paciente em sua residência para verificar o fluxo de atendimento e os possíveis riscos existentes”, informou o secretário de saúde.

 

Veja também

Atenção: Obra de drenagem altera itinerários do transporte coletivo na Ramos Ferreira Trecho da Ramos Ferreira, próximo ao IEA e à praça do Congresso Por conta da obra de desvio em um trecho da rede de drenagem na rua Ramos Ferreira, Centro, a Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU) informa que as linhas de ônibus 110, 112 e 129 passam a cu...
Prorrogadas, inscrições do Fies para o segundo semestre podem ser feitas até terça Foto: Reprodução As inscrições para a edição do segundo semestre de 2018 do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) foram prorrogadas até as 23h59 desta terça-feira, 24. São 155 mil vagas ofertadas, sendo 50 mil com juro zero. Até a manhã desta segunda-feira, 23, já hav...
Veja os candidatos a presidente definidos nas convenções partidárias PSL lança candidatura de Jair Bolsonaro à presidência da República. Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil No primeiro fim de semana de convenções nacionais, os partidos políticos confirmaram cinco candidatos a presidente da República: Ciro Gomes (PDT), Guilherme Boulos (P...
Edital de Credenciamento do Fundo Manaus Solidária tem 53 organizações sociais aptas O Edital de Credenciamento ajuda a mapear as organizações que desenvolvem trabalhos sociais em Manaus. Foto: Karla Vieira/Divulgação A lista definitiva com os nomes das organizações sociais aptas ao Edital de Credenciamento, do Fundo Manaus Solidária, foi publicada no Diár...
Corpo de turista é encontrado dentro de caverna no AM Foto: Reprodução Após 14 dias de intensas buscas pelo corpo da turista que caiu em caverna depois de tentar tirar uma selfie em local de risco,  na Cachoeira do Santuário, em Presidente Figueiredo,  a equipe do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas encontrou o corpo na ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook