Funcionário é preso por assaltar empresa de telecomunicações em Manaus

Thomas Jefferson Pantoja Matias era funcionário da empresa e trabalhava como serviços gerais. Foto: Divulgação

Um homem identificado como Thomas Jefferson Pantoja Matias, 30, foi preso nesta terça-feira (31) no conjunto habitacional Viver Melhor, no bairro Santa Etelvina, zona Norte de Manaus. Ele é acusado de ter participado do assalto à empresa NBN Telecom, localizada na Cidade de Deus, também zona Norte. O crime ocorreu na segunda-feira (30).

Na ocasião, Thomas e mais três indivíduos renderam o porteiro da empresa com uma faca por volta das 17h. Os 30 funcionários presentes tiveram seus bens subtraídos e foram mantidos em cárcere privado durante o assalto.

Segundo o delegado Adriano Félix, titular da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), Thomas era funcionário da empresa e trabalhava como serviços gerais, mas estava afastado pelo INSS porque caiu de uma escadaria.

“Ele foi responsável por arquitetar toda a ação e chamar os outros comparsas porque estava precisando de dinheiro”, disse o delegado.

No momento da prisão, Thomas estava em posse de dois notebooks e um celular frutos do roubo. De acordo com o delegado Adriano, um terceiro notebook já teria sido vendido em uma boca de fumo.

A polícia identificou o suspeitos após testemunhas relataram que um dos assaltantes parecia com um colega de trabalho. O ex-funcionário responderá por roubo majorado e ficará à disposição da Justiça.

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.