Setor primário de Maués recebe mais de R$ 654 mil em investimento por meio do Governo Presente

O valor de R$ 164,9 mil será utilizado para fortalecer a agricultura sustentável na zona urbana e rural do município. Foto: Divulgação/Lucas Silva/Secom

Nesta segunda-feira (23/5), o município de Maués, a 276 quilômetros de Manaus, recebeu ações do programa Governo Presente, com serviços de cidadania e saúde, entre outros. O governador Wilson Lima acompanhou as ações e liberou mais de R$ 654,3 mil em crédito e convênio com a Prefeitura de Maués em incentivo à produção rural.

Por meio da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), foi formalizado um Termo de Convênio com a Prefeitura Municipal, no valor de R$ 164,9 mil, que serão utilizados para fortalecer a agricultura sustentável na zona urbana e rural do município. Os recursos são para a aquisição de itens como motor de popa e triciclo motorizado.

Parceria entre o Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam) e a Agência de Fomento do Estado (Afeam), o programa de Crédito Rural liberou R$ 489.469,80, que beneficiará 20 projetos voltados à pesca e 15 voltados à agricultura, através de equipamentos e implementos para a atividade em Maués.

Na ocasião, também foram entregues 63 Cartões do Produtor, 43 CAR e 149 DAPs. Em conjunto, os documentos e cadastro assegurarão aos produtores beneficiados regularização junto aos órgãos ambientais e acesso a políticas públicas voltadas ao setor primário, como o Programa Alimenta Brasil (PAB).

Incentivo à pesca

A Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS) assinou o Termo de Doação Onerosa da Fábrica de Gelo com a Colônia de Pescadores Z-16. Além disso, a Colônia também será beneficiada com a doação de um kit feira, que dará aos pescadores uma nova opção para comercialização dos seus pescados. Os novos investimentos impactarão diretamente na geração de emprego e renda para os trabalhadores locais.

Foto: Divulgação/Lucas Silva/Secom

Saúde

Com um total de 900 atendimentos, o programa “Chamas da Saúde”, do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) ofertou especialidades médicas para a população de Maués que esperava pelos serviços na fila do Sistema de Regulação (Sisreg). Os atendimentos aconteceram na Escola Municipal Salum de Almeida, durante toda esta segunda-feira.

A população mauesense contou com atendimentos dos seguintes especialistas: ortopedista, pediatra, ginecologista, otorrinolaringologista, clínico geral, farmacêutico clínico, odontologista patologista, odontologista geral, enfermagem de urgência e serviço social.

Entre outros investimentos em saúde, o titular da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), Anoar Samad, assinou o Termo de Cessão de um aparelho de raio-X à Prefeitura de Maués, na região do Baixo Amazonas. O equipamento de 500 amperes está instalado e em funcionamento no Hospital Raimunda Francisca Dinelli da Silva.

Na unidade hospitalar, a demanda diária é de 30 a 40 exames de raio-X e o aparelho cedido pelo Governo é de maior potência comparado ao que havia na unidade.

A SES-AM, por meio da Central de Medicamentos do Amazonas (Cema), liberou mais de 18,5 mil itens, sendo 5 mil frascos de hipoclorito de sódio e 13.592 medicamentos e insumos para o enfrentamento da cheia dos rios, que já começa a atingir o município.

Cidadania e capacitação

A Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc) participou do Governo Presente com uma ação de cidadania em Maués. O mutirão realizou a emissão de duas mil unidades de Registro Geral (RG), entre 1ª e 2ª vias.

Durante o programa, a Sejusc também emitiu documento de gratuidade para a segunda via do Registro Civil de Nascimento (RCN).

Em parceria com o Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam), a Amazonastur capacitou 12 moradores de Maués no curso de Recepcionista de Eventos. Os cursos ofertados por meio de um termo de cooperação técnica foram voltados para os profissionais do Trade Turístico, e demais interessados.

Fomento

A Afeam também destinou mais de R$ 282 mil em operações de crédito para incentivar atividades produtivas de diversos setores da economia.

Entre as operações, houve a liberação do “Crédito Rosa”, programa destinado a mulheres em situação de vulnerabilidade social, como Tamilly Vitória Farias, de 20 anos, que recebeu o valor de R$ 5 mil para fomentar as atividades do salão de beleza que pretende abrir.

“Ampliar meu pequeno estúdio que eu quero construir, comprar meus materiais que tá faltando muita coisa, e eu preciso desse dinheiro para ampliar. Essa é a primeira vez que eu vou receber esse Crédito Rosa. Vai dar para eu construir um salãozinho para mim, se Deus quiser”, ressaltou a empreendedora.

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.