Com dores em uma das pernas, papa não preside a vigília pascal no Vaticano

Com dores em uma das pernas, papa não preside a vigília pascal no Vaticano

O papa Francisco participou, mas não presidiu, um culto de vigília pascal na Basílica de São Pedro na noite deste sábado (16) no Vaticano. Ele está sofrendo de dores recorrentes na perna que o fizeram reduzir algumas atividades.

O cardeal italiano Giovanni Battista substituiu o papa como o principal celebrante do culto, que envolveu uma procissão na escuridão quase total pela nave central da maior igreja da cristandade. Ivan Fedorov, prefeito da cidade ucraniana de Melitopol, que foi detido pelas forças russas no mês passado e depois libertado em uma troca de prisioneiros, participou da missa.

“Todos nós estamos orando por vocês e com vocês. Nós rezamos porque há muito sofrimento”, declarou o papa na cerimônia sobre a guerra.

O papa de 85 anos sofre de ciática, que causa dor em uma perna, fazendo com que o Pontífice manque. Recentemente, Francisco também teve um surto de dor no joelho direito.

A condição parece ir e vir.Ele teve que reduzir alguns de seus movimentos durante uma viagem a Malta no início de abril, mas na tarde de sexta-feira ele estava bem o suficiente para percorrer todo o corredor tanto no início quanto no final de um culto de Sexta-feira Santa na basílica.

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.