Mulher é presa por tráfico de drogas e crime ambiental em Benjamin Constant

Além de porções de drogas, duas balanças de precisão e a quantia de R$ 515, a equipe policial encontrou e uma cobra jiboia criada em cativeiro. Foto: Divulgação/PMAM

Uma mulher de 23 anos foi detida por tráfico de drogas e crime ambiental, no beco Castelo Branco, no Centro do município de Benjamin Constant (a 1.121 quilômetros de Manaus), neste domingo (9). A ação foi efetuada por policiais militares do 2º Comando de Polícia Militar (CPM), do 8º Batalhão de Polícia Militar (BPM).

Os policiais, em patrulhamento ostensivo no Centro da cidade, realizavam o policiamento inserido nas ações do programa Amazonas Mais Seguro, implementado pelo Governo do Estado, quando receberam denúncia anônima sobre intensa movimentação e comércio de drogas em uma residência no referido beco.

De acordo com a equipe policial, ao chegar no local indicado na denúncia, várias pessoas apontadas como usuárias de drogas conseguiram fugir, mas a proprietária foi flagrada e detida com uma certa quantidade de substâncias com aspecto de cocaína, maconha e pasta-base de cocaína.

Ao ser indagada se havia mais material ilícito, a mulher disse que guardava o restante dos entorpecentes em sua outra casa, que ficava ao lado. No outro imóvel, a equipe policial localizou mais porções das mesmas drogas, duas balanças de precisão e diversos produtos para a confecção e embalagem, a quantia de R$ 515 e uma cobra jiboia criada em cativeiro.

A ocorrência foi conduzida à 51ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP). A Polícia Militar orienta à população que, ao tomar conhecimento de ações criminosas, informe imediatamente por meio do disque-denúncia 181, ou do 190.

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.