Este ano, Amazonas investiu R$ 30 milhões em crédito no setor primário

Recursos foram destinados para fortalecer o setor rural visando o aumento da produtividade e o desenvolvimento da cadeia produtiva primária.

O Governo do Amazonas, por meio da Agência de Fomento do Estado (Afeam), destinou, somente em 2021, cerca de R$ 30 milhões em financiamentos para estimular os investimentos rurais e o desenvolvimento da cadeia produtiva primária no estado.

Mais de 5 mil ocupações econômicas foram geradas ou mantidas entre indígenas, extrativistas, pescadores, agricultores, pecuaristas e piscicultores apoiados por meio de 1.734 mil operações de crédito realizadas pela linha de crédito Afeam Agro, que prioriza investimento às culturas de relevância para o Estado.

Para encerrar o ano, a Agência participará da 43ª Exposição Agropecuária do Amazonas (Expoagro), que acontece entre os dias 09 e 12 de dezembro, no Kartódromo da Vila Olímpica de Manaus, bairro Alvorada, zona oeste de Manaus.  Com aporte de R$ 1 milhão, a Agência impulsiona as oportunidades de negócios reafirmando o compromisso do Governo do Estado com o setor de agronegócios, em especial a agricultura familiar.

Na abertura da exposição será entregue um cheque simbólico à Cooperativa dos Produtores Rurais da Comunidade Sagrado Coração de Jesus no Paraná da Eva, comunidade pertencente ao município de Itacoatiara (a 176 quilômetros de Manaus), no valor de R$ 498.718,20.

O Diretor

Presidente da Afeam, Marcos Vinicius Castro, destaca a importância da exposição para o desenvolvimento do agro no Estado. “A Afeam, mais uma vez, se faz presente na Expoagro, sempre apoiando os produtores e sendo um parceiro da exposição. Se a Expoagro traz negócios, dinamiza a economia e atrai investimentos, a Afeam estará presente”, ressaltou.

Para garantir a participação efetiva na Feira, a Afeam contará com uma equipe de atendimento que irá apresentar ao público o portfólio de produtos para todos os tipos de investimentos na área rural e condições para financiamento.

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *