Projeto de pesquisa da UEA produz álcool 70%

Foto: Sergio Duvoisin Junior/Divulgação

O grupo de pesquisa Química Aplicada à Tecnologia, da Escola Superior de Tecnologia (EST) da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), começou, nesta terça-feira (7), a fabricação do álcool 70%. Até o momento, foram produzidas 1.400 garrafas de 500ml, que serão encaminhadas a hospitais.

O processo de fabricação é realizado em três laboratórios da UEA e envolve 50 alunos e 13 professores do grupo de pesquisa Química Aplicada à Tecnologia. O grupo recebeu a doação de 2.500 litros de etanol do Grupo Atem, além de 1.200 litros da Fundação Universitas de Estudos Amazônicos (FUEA) para o início da fabricação.

O coordenador do grupo de Pesquisa, Sergio Duvoisin Junior, destacou que a sociedade vive um momento de “guerra” e o que cada um puder contribuir será bem-vindo. “Essa iniciativa da UEA é louvável porque não estamos encontrando álcool 70% nas lojas. Então, temos que fornecer aos agentes que estão na linha de frente”, disse.

Duvoisin afirmou que universidade estadual está mobilizada no combate à Covid-19. “A UEA está fazendo a sua parte tanto na Química, quanto na Engenharia, que está produzindo kits de proteção. Então, a nossa parte pode ser grande ou pequena, mas, o fato de fazer, ajuda a superar esse problema tão sério que estamos passando”, finalizou.

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *