Samel comemora dez curados de Covid-19 e oito dias sem intubar. Ministério da Saúde faz contato. Veja vídeo

Samel comemora dez curados

Samel comemora dez curados de Coronavírus, usando método alternativo à intubação

O hospital da rede privada Samel anunciou, neste sábado (04/04), a cura de dez pacientes contaminados pelo Coronavírus. “Eles fizeram a Ventilação Não-Invasiva (VNI) e já estão em casa”, anunciou, em vídeo, o diretor-técnico do hospital, Daniel Fonseca.

A VNI é feita numa cápsula, manobrada pelos fisioterapeutas Manoel Santana de Amorim e Elton Rico Souza da Silva. Os pacientes são ventilados, sem necessidade de intubação. O método foi criado numa parceria com o Serviço Nacional da Indústria (Senai), a Transire Fabricação de Equipamentos Ltda. e o hospital. “É um trabalho de mais de mil pessoas”, afirma Luís Alberto.

A Transire conseguiu autorização, na Justiça Federal, para aplicação do percentual de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) em projetos contra Covid-19. O valor seria, normalmente, repassado à Suframa. O trabalho está sendo feito através do Instituto Transire. O total disponível é de R$ 25 milhões.

 

Sem intubar e já extubando

O diretor administrativo da Samel, Luís Alberto Nicolau, disse também que o hospital não intuba ninguém há oito dias. “Dos dois pacientes que foram intubados, antes do novo método, um já foi extubado. O outro devemos extubar nos próximos dias”, revela. A intubação é o método recomendado, no protocolo de pacientes com Coronavírus.

A extubação é a retirada do tubo endotraqueal do paciente. “A intubação orotraqueal exige tempo de, no mínimo, 15 dias. Os pacientes evoluem para traqueostomia (respiração por um furo no pescoço). E vão do padrão de vidro fosco para consolidação pulmonar, rabdomiólise, hepatite e encefalite. Com a VNI, nós estamos conseguindo dar alta em cinco dias”, diz Daniel Fonseca.

 

Ministério da Saúde prospecta

O diretor-técnico da Samel revelou que recebeu ligação do secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos (SCTIE), do Ministério da Saúde, Denizar Viana de Araújo. “Ele procurava informação sobre nosso método e iniciou os trâmites para contato com o Ministério da Saúde”, disse.

Denizar classifica a secretaria que dirige como o “Ministério da Saúde do Amanhã” e tem procurado, justamente, novas invenções.

A Samel tem hoje 22 pacientes internados com diagnóstico confirmado por exames de Coronavírus. Até ontem (03), quatro haviam recebido alta. O número subiu para dez neste sábado.

Veja, abaixo, o vídeo em que os diretores da Samel fazem os anúncios:

[KGVID]https://s3.amazonaws.com/img.portalmarcossantos.com.br/wp-content/uploads/2020/04/04192729/samel-curados-mct.mp4[/KGVID]

PUBLICIDADE
Veja também
10 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Alex silva disse:

    Muito bom esse portal de notícias do Marcos santos deixa agente informado de tudo… parabéns

  2. IZABEL FRANCILENE GONZAGA DE SOUZA disse:

    Excelente trabalho que Deus os abençoe e proteja todos seus familiares e continue dando sabedoria a todos .

    1. Mário Valença disse:

      Deus abençoe e dê muita sabedoria… salvar vidas com a bênção de Deus

    2. frank nilson cunha de souza disse:

      DEUS tem um proposito para cada um de nos peça a elhe o seu .DEUS acima de todos DEUS no controle contra esse mal que assola o mundo.

  3. Marizete disse:

    Parabéns a todos envolvidos.
    👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾 Deus os abençoem grandemente.

  4. Marcia Souza disse:

    Parabéns pela iniciativa em prol da vida e bem comum. Deus os abençoe.

  5. Jean disse:

    Esse Dr. Daniel é um dos melhores médicos da Samel, é uma excelente pessoa e altamente capacitado. Ele, e outros é claro, fazem falar o plano.

  6. Aida Isabel Singer disse:

    Maiores informações.

  7. Marco Santos disse:

    Ótimo trabalho. Enviei o conteúdo da matéria para vários países. Deus vos abençoem.

  8. janete dantas disse:

    Boa noite! É ótimo que vocês tenham encontrado um equipamento que faça a diferença, porém, com certeza, não foi só isto que possibilitou o sucesso do tratamento. Divulguem a medicação utilizada, também, para tranquilizar a população. Não entrem no jogo político. Obrigada!