Segunda-feira, 16 de julho de 2018

Programa Diário da Manhã


Ouvir a Rádio Diário Ao Vivo

Lula fala pela primeira vez após ordem de prisão e cita juiz amazonense

Lula citou em discurso o juiz amazonense

Durante discurso onde anunciou que se entregará à Polícia Federal, Lula citou duas vezes juiz amazonense que o tornou réu na Operação Zelotes. Foto: Divulgação

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva faz um discurso neste sábado (7) para militantes concentrados em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP). É a primeira manifestação dele desde que o juiz Sérgio Moro expediu a ordem de prisão.

Após dois dias no prédio do sindicato, o ex-presidente saiu hoje do prédio para participar de uma missa em memória de Marisa Letícia, que completaria neste sábado 68 anos.

Durante mais de 50 minutos de discurso, lembrando dos tempos de sindicalista e de uso político da prisão, o ex-presidente culpou a Justiça por sua condenação, citando duas vezes, inclusive, o juiz amazonense Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal em Brasília, que o tornou réu pelo crime de corrupção passiva.

Zelotes

Ano passado o juiz acatou denúncia do Ministério Público Federal (MPF) por ele ter participado da “venda” da Medida Provisória (MP) 471, de 2009, que prorrogou os incentivos fiscais para montadoras instalavas nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, investigado dentro da Operação Zelotes.

De acordo com a denúncia, Lula é acusado de beneficiar montadoras de veículos, que teriam prometido ao ex-presidente R$ 6 milhões em troca de benefícios para o setor, afirmam os procuradores do caso.

Lula virou “heptaréu” e responde a outros cinco processos – sendo 3 na Lava Jato, 1 na Zelotes e outro decorrente da Operação Janus. Em um sétimo processo, no caso do triplex do Guarujá, o petista já foi condenado a 9 anos e seis meses de prisão pelo juiz Sérgio Moro.

Caminhão de som

Lula fez o discurso de um caminhão de som, ao lado de aliados, como a ex-presidente Dilma Rousseff; o presidente estadual do PT, Luiz Marinho; os ex-ministros Fernando Haddad e os pré-candidatos à Presidência Guilherme Boulos (PSOL) e Manuela D’Ávila (PCdoB).

Antes, durante a missa, foi feito um histórico de dona Marisa Letícia, contando por exemplo, como ela ajudou Lula em suas campanhas políticas. Enquanto a missa ocorre, pessoas gritam “Lula livre”, “Não se entrega” e “Resistir”.

No final do discurso, Lula disse que “não daria gosto de ser considerado foragido”, e que se entregaria à Polícia Federal.

Veja também

Lula mantido na cadeia por relator original do processo. Veja como ele foi solto, preso, solto e pre... Lula mantido na cadeia por relator original do processo no TRF4, após gangorra entre prisão e soltura O ex-presidente Lula vai continuar preso. A decisão é do relator original do processo, João Pedro Gebran Neto. Ele alegou que "a jurisdição de plantão não exclui prevenç...
Desembargador que trabalhou para PT manda soltar Lula e Moro susta libertação. Veja íntegra da decis... Desembargador que trabalhou para PT manda soltar Lula (foto) e o juiz Sérgio Moro susta a libertação O desembargador Rogério Favreto, do Tribunal Federal Regional da 4ª Região, mandou soltar o ex-presidente Lula. A decisão foi dada em habeas corpus dos deputados petistas...
Carga de 200kg de droga avaliada em R$ 3 milhões, apreendida no Rio de Janeiro, partiu de Manaus, co... Motorista ficou nervoso e confessou estar transportando droga escondida no tanque de combustível. Ele disse que droga partiu de Manaus para abastecer zona Norte do Rio. Foto: Divulgação Um carregamento de drogas avaliado em R$ 3 milhões foi recuperado pela Polícia Rodovi...
Piloto diz ter feito pouso forçado após dois homicídios em pleno voo entre Mato Grosso e Apuí, no Am... Piloto não ficou preso por homicídio porque polícia não encontrou os corpos. Foto: Divulgação A Polícia Civil do Pará e a Polícia Federal estão investigando as circunstâncias que forçaram o piloto de um avião executivo a fazer pouso forçado em um rio do sudoeste do Pará,...
Operação na fronteira tem 18 prisões por tráfico e crimes ambientais, e apreensão de armas, munições... Cinco cidades foram alvo das ações da Esforço Integrado, que seguem até amanhã, com foco no narcotráfico e crimes ambientais. Fotos: Divulgação Na fronteira do Amazonas com outros países, a Operação Esforço Integrado resultou na prisão de 18 pessoas e na apreensão de ent...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook