Quinta-feira, 21 de junho de 2018

Luiz Castro reforça denúncia contra empresas terceirizadas da área de Saúde

O deputado Luiz Castro disse que há servidores sem receber salários há quatro meses. Foto:

O deputado Luiz Castro (Rede) voltou a denunciar nesta quarta-feira (21) as empresas contratadas pelo Governo do Estado para prestar serviços aos hospitais de Manaus e que atrasam o pagamento de salários por até quatro meses, colocando os servidores em situação humilhante e tornando ainda mais caótico o atendimento à população amazonense.

Da tribuna da Assembleia Legislativa, Luiz Castro sugeriu que o Governo se responsabilize pelo pagamento dos salários dos servidores terceirizados e desconte o valor na fatura dos empresários, já que eles recebem os repasses e não efetuam o pagamento dos funcionários que atuam nas unidades de saúde.

Em visita de inspeção realizada ao Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio, Luiz Castro recebeu reclamações de servidores que não recebem salários há quatro e até cinco meses. O deputado citou como exemplo a empresa Podium, que recebeu os repasses do Governo e sequer pagou o 13º salário dos trabalhadores.

“São pais de família vivendo em condições desumanas, sem dinheiro para pagar uma condução, se alimentando mal, endividados e sem motivação para trabalhar. Isso afeta diretamente o desempenho no atendimento à população, de forma negativa”, advertiu o deputado.

Os servidores, segundo Luiz Castro, entraram com denúncia na Justiça do Trabalho, mas nesse caso, de acordo com o deputado, o processo caminha lentamente.  “Esta Casa tem que se posicionar sobre essa injustiça contra os servidores, e dialogar com a Justiça do Trabalho para obrigar as empresas a cumprirem os seus compromissos”, conclamou.

Durante a visita ao Hospital João Lúcio, o deputado constatou as péssimas condições de trabalho e do atendimento aos pacientes que esperam há três messes por procedimento médicos. Além disso, Castro verificou a falta de alimentos, de medicamentos, de insumos e de higiene nos refeitórios.

O deputado disse que continuará fiscalizando as unidades estaduais de Saúde, para encaminhar um relatório apontando as condições precárias de trabalho e de atendimento à população.

 

Acordo com terceirizadas

No final de 2017, o Governo do Estado contratou mais 77 empresas para prestar serviços diversos para a Secretaria Estadual de Saúde (Susam). As empresas assinaram ata concordando com o cronograma de pagamentos proposto pelo Estado, relacionado às dívidas que foram herdadas de administrações anteriores.

Segundo o secretário Francisco Deodato, o pagamento de empresas de área meio representou um total de R$ 37 milhões por mês, no orçamento da Susam.

O acordo fechado estabeleceu um calendário regular de pagamento dos passivos, a partir de dezembro, para que as empresas pudessem honrar os seus compromissos, priorizando os salários dos seus funcionários.

As empresas médicas que prestam serviços à rede pública também assinaram acordo proposto pelo Governo do Amazonas, para o parcelamento das dívidas herdadas de administrações passadas.

Veja também

Movimento ‘Levante MAO’ será apresentado no Café Teatro com entrada gratuita As oito obras que serão apresentadas no movimento “Levante MAO” tiveram uma fase de alinhamento de informações. Foto: Divulgação Desde quarta (20) até sexta-feira, 22/6, o Les Artistes Café Teatro, localizado na avenida 7 de setembro, no Centro, será palco do movimento art...
Unidades de saúde de urgência e emergência funcionarão normalmente no ponto facultativo desta sexta-... Os casos mais graves devem ser atendidos nos prontos-socorros. As maternidades oferecem o atendimento às mulheres gestantes. Foto: Divulgação As unidades de urgência e emergência da rede estadual de saúde funcionarão normalmente, em plantão de 24 horas, durante o ponto f...
Amazonas é o terceiro Estado com maior número de feminicídios No Amazonas, o TJAM terminou 2017 com 522 processos de feminicídio pendentes. O número é 15,5% maior da quantidade de processos de feminicídio pendentes em 2016 (452 processos). Foto: Divulgação Amazonas é o terceiro Estado brasileiro com maior proporção de casos de fe...
Em boa fase, Iranduba recebe o Pinheirense (PA) nesta quinta na Arena da Amazônia Ocupando a terceira posição na tabela do grupo 01 com 13 pontos, o Iranduba vem de uma derrota por 2 a 1 contra o atual líder do campeonato, o Corinthians. Foto: Divulgação Com três atletas convocadas para disputar amistosos pela Seleção Brasileira Sub-20, a equipe Irandub...
Espetáculo ‘Joias de Tchaikovsky’ estreia neste domingo, no Teatro da Instalação Foto: Divulgação No próximo domingo (24), a Companhia de Dança Encontro das Águas apresentará, às 19h, o espetáculo “Joias de Tchaikovsky”, no Teatro da Instalação, localizado na rua Frei José dos Inocentes, s/Nº, Centro. A apresentação faz parte da agenda do Programa Espa...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook