Domingo, 27 de maio de 2018

Trio é preso, 50 veículos são apreendidos e revista é feita em presídio durante “Alegoria Proibida” em Coari

Cinquenta veículos foram apreendidos na operação realizada hoje em Coari. Durante ação houve confronto com o traficante “Babão”, que acabou morto. Fotos: Erlon Rodrigues e Lana Honorato/ PC-AM

A Polícia Civil do Amazonas, com o apoio da Polícia Militar do Estado (PMAM), deflagrou, nesta sexta-feira (9), no município de Coari (distante 363 quilômetros de Manaus), mais uma fase da operação “Alegoria Proibida”, da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

A ação resultou nas prisões de três indivíduos por crimes distintos e apreensões de 50 veículos. Durante os trabalhos, foi realizada, ainda, revista na Unidade Prisional de Coari (UPC).

Tráfico doméstico

A operação foi coordenada pelo delegado-geral adjunto da Polícia Civil do Amazonas, Antonio Chicre Neto, e teve por objetivo o combate ao tráfico de drogas e, principalmente, o tráfico de drogas doméstico que resultam em outros delitos, como roubos e furtos.

Participaram dos trabalhos policiais civis lotados na Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Coari, Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv), gabinetes do delegado-geral e delegado-geral adjunto, além de integrantes do Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera).

Os trabalhos contaram com o reforço de policiais militares que atuam em Coari, no Comando de Operações Especiais (COE) e no Canil da PMAM.

Crimes

Durante a operação os policiais prenderam Cristiana Gomes Matinho, 31, por homicídio; Francisco Márcio Ramos Reis, 26, por furto qualificado, e Cleverson Amorim da Silva, 25, por roubo majorado.

O trio foi preso em cumprimento a mandados de prisão preventiva. As equipes montaram barreiras de fiscalização de veículos nas principais vias daquele município, que culminaram nas apreensões de 48 motocicletas irregulares, além da recuperação de uma moto e um carro com restrição de roubo.

Revista no presídio

As equipes realizaram revista no presídio daquele município. Na ocasião, os 73 detentos foram retirados das celas, que foram vasculhadas pelos policiais e um cão farejador.

No momento da revista foram apreendidos carregadores e baterias de celular, facas, estoques, cigarros, pequenas porções de substâncias entorpecentes, vídeo games, pen drives, além de material para embalo de drogas.

“A operação foi realizada em Coari por determinação do governador do Estado, Amazonino Mendes, após solicitação feita pelo prefeito daquele município, Adail José Figueiredo Pinheiro, que pediu reforço no período carnavalesco. Iniciamos os trabalhos com o cumprimento dos mandados de prisão e de busca e apreensão. Montamos barreiras em algumas ruas da cidade e identificamos veículos em situação irregular”, pontuou o delegado-geral adjunto.

Confronto e morte

De acordo com o delegado-geral adjunto da Polícia Civil do Amazonas, antes do início da operação no lugar, Edvaldo Carmo dos Santos, o “Babão”, que era alvo da ação, foi morto durante abordagem realizada por policiais militares lotados em Coari.

Segundo os militares envolvidos na ocorrência, a guarnição recebeu informações de que “Babão” estaria em uma residência, na rua Areal Solto, bairro Chagas Aguiar, e foi verificar a veracidade da delação recebida.

“No momento em que o infrator percebeu a presença da polícia no lugar, ele tentou fugir e ainda efetuou disparos em direção aos policiais militares, que reagiram efetuando disparos que atingiram o infrator. Com Edvaldo foi apreendido um revólver calibre 38, contendo seis munições, sendo três deflagradas e três intactas. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e conduziu ‘Babão’ ao Hospital Municipal de Coari, mas o infrator acabou indo a óbito na unidade médica”, explicou um policial envolvido no caso.

Conforme Antonio Chicre Neto, Edvaldo possuía mais de cinco mandados de prisão em nome dele. Ainda segundo o delegado-geral adjunto, o infrator era um dos alvos da operação “Alegoria Proibida”, deflagrada nesta manhã, em Coari. “Babão” era considerado o líder do tráfico de drogas no bairro Duque de Caxias, naquele município.

Indiciamento

Cristiana, Cleverson e Francisco serão levados para a Unidade Prisional de Coari, ao término dos procedimentos cabíveis na DIP daquela cidade.

Além da cidade de Coari, a operação “Alegoria Proibida” já foi deflagrada nos municípios de Iranduba, Manacapuru, Itacoatiara, Careiro Castanho e Parintins. As diligências, na capital, seguem durante todo o período de Carnaval.

“A operação Alegoria Proibida está sendo deflagrada não só em Manaus, mas também nos municípios do interior do Estado”, concluiu Antonio Chicre Neto.

Veja também

PMs prendem homem foragido do Pará com 22kg de maconha PMs da Força Tática prenderam suspeito no Santa Inês que era foragido do Pará e tinha 22 kg de maconha em casa. Foto: Divulgação Policiais militares da Força Tática, na viatura 6761, por volta de 22h de sexta-feira (25), detiveram um foragido armazenando drogas na zona N...
Polícia prende foragido que tirou filhos à força da casa da mãe Rodrigo Bulcão foi preso em cumprimento a mandado de prisão por tráfico de drogas. Hoje ele foi denunciado por ter levado dois filhos, à força, para um barraco no Jorge Teixeira. Fotos: Divulgação Rodrigo Bulcão da Silva, 30, foi detido em cumprimento a mandado de prisão...
Em 2018, Exército já apreendeu mais de 6 toneladas de drogas na Amazônia Ocidental General Algacir Antônio Polsin, do CMA, fez apresentação do balanço de operações do Exército na Amazônia Ocidental em 2018. Foto: PMS Com um total de 170 operações realizadas em 2018 na faixa de fronteira da Amazônia Ocidental, o Comando Militar da Amazônia (CMA) apresen...
Homem é preso por tentar matar esposa com faca de cozinha Após tentar matar esposa, o acusado tentou se desfazer de três sacos com entorpecentes. Foto: Divulgação Severino Corrêa Neto, 30, foi detido por policiais militares da 11ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), nesta quinta-feira (24), na rua Santo Agostinho, bairro ...
Moradores contam que tiroteio durou 5 minutos. FDN teria entrado para confrontar CV no Bairro da Uni... Polícia tem feito várias incursões na invasão também chamada de Buritizal, onde um usuário de drogas foi morto e enterrado. Foto: Divulgação Um vídeo que circulou nas redes sociais nesta quinta-feira (24) dá ideia de como foi o tiroteio no Bairro da União, numa área de i...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook