Quinta-feira, 21 de junho de 2018

Governo recupera áreas de erosão na periferia de Manaus

O Governo do Amazonas determinou à Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra) a realização de estudos de viabilidade para a retomada das obras de recuperação de processos erosivos graves situados em cinco bairros das zonas norte e leste de Manaus. Com investimentos de R$ 19.893.762,52, os trabalhos contemplam ações nos bairros de Nova Floresta, Santa Inês, Cidade de Deus, Colônia Antônio Aleixo e Comunidade João Paulo.
Em quatro ruas os serviços estão concluídos. E em outras três vias encontram-se em andamento. A previsão da secretaria é que até o final de 2018 os serviços de contenção estejam finalizados. A intervenção foi dividida em blocos para facilitar as ações. Um bloco trabalhou na contenção dos processos erosivos graves na rua G, no bairro de Santa Inês (finalizada); travessa Jutaí (95% executada) e rua Alumínio (em execução), no bairro Nova Floresta; e rua Jambu, no conjunto João Paulo (finalizada); todos na zona leste.
Outro bloco irá realizar obras na rua Corínthians, no bairro Cidade de Deus, na zona norte; e já concluiu os trabalhos nas ruas Nova Esperança e Padre Ludovico, no bairro da Colônia Antônio Aleixo, na zona leste de Manaus.
As erosões são provocadas, na maioria dos casos, pela ação humana, por meio da retirada da vegetação natural, construção de casas em encostas, com o direcionamento das águas servidas em direção ao barranco, que também contribui para o aceleramento do processo erosivo.
O secretário de Infraestrutura do Amazonas, Oswaldo Said, esclarece que o processo de contenção das erosões “consiste na retirada de solo mole, execução de aterro e compactação, na reconformação de taludes com banquetas, colocação de canaletas, captando e direcionando o fluxo das águas, dissipando sua energia, e, finalmente, no reflorestamento da área trabalhada e recuperação do revestimento vegetal com a aplicação de grama”.

Ações educativas

Segundo o titular da Seinfra, vários programas educativos foram realizados e outros deverão acontecer junto à população que busca essas áreas para construir suas moradias. O objetivo é conscientizá-la do perigo que representa viver em áreas instáveis e propícias ao deslizamento como as encostas.

 

Veja também

Movimento ‘Levante MAO’ será apresentado no Café Teatro com entrada gratuita As oito obras que serão apresentadas no movimento “Levante MAO” tiveram uma fase de alinhamento de informações. Foto: Divulgação Desde quarta (20) até sexta-feira, 22/6, o Les Artistes Café Teatro, localizado na avenida 7 de setembro, no Centro, será palco do movimento art...
Amazonas é o terceiro Estado com maior número de feminicídios No Amazonas, o TJAM terminou 2017 com 522 processos de feminicídio pendentes. O número é 15,5% maior da quantidade de processos de feminicídio pendentes em 2016 (452 processos). Foto: Divulgação Amazonas é o terceiro Estado brasileiro com maior proporção de casos de fe...
Em boa fase, Iranduba recebe o Pinheirense (PA) nesta quinta na Arena da Amazônia Ocupando a terceira posição na tabela do grupo 01 com 13 pontos, o Iranduba vem de uma derrota por 2 a 1 contra o atual líder do campeonato, o Corinthians. Foto: Divulgação Com três atletas convocadas para disputar amistosos pela Seleção Brasileira Sub-20, a equipe Irandub...
Espetáculo ‘Joias de Tchaikovsky’ estreia neste domingo, no Teatro da Instalação Foto: Divulgação No próximo domingo (24), a Companhia de Dança Encontro das Águas apresentará, às 19h, o espetáculo “Joias de Tchaikovsky”, no Teatro da Instalação, localizado na rua Frei José dos Inocentes, s/Nº, Centro. A apresentação faz parte da agenda do Programa Espa...
Confira o resultado preliminar de sete processos seletivos do Governo com 286 vagas A Agência Amazonense de Desenvolvimento Econômico e Social (Aades) divulga o Resultado Preliminar dos sete Processos Seletivos para 286 vagas nas áreas: do Meio Ambiente, Assistência Social, Esporte, Regularização Fundiária e Infraestrutura. Veja os resultados abaixo: ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook