Assaltos ousados: fardado de PM rendeu segurança em cartório. Vestido de gari atacou casa de câmbio. Veja os vídeos

cambio2

Isaú Jacob na hora da tentativa de assalto, metendo o cano do revólver no espaço por onde passam notas, na casa de câmbio

cambio

E depois de ter sido reconhecido e preso

Dois assaltos, ocorridos nesta terça (31/05), assustaram empresários pela ousadia dos assaltantes. No primeiro, por volta das 13h, assaltante com roupa de gari, em companhia de um cúmplice, mostrou um revólver para os funcionários da Cortez Câmbio e Turismo, no Boulevard Amazonas, chegando a disparar um tiro. Como o local é blindado, ele não obteve êxito.

Isaú Jacob Braga dos Reis, 35, estava em casa, na rua do Campo, 10, bairro Colônia Terra Nova, Zona Norte, por volta das 16h, quando foi localizado por uma equipe das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam), identificado como o autor da tentativa de assalto e preso.

O outro assalto ocorreu uma hora mais tarde que o primeiro, às 14h, no Cartório do 1º Ofício de Registro de Imóveis, na avenida Joaquim Sarmento, esquina com José Clemente. Um assaltante, inteiramente fardado com roupa e equipamentos da Polícia Militar (PM) e agindo com muita desenvoltura, desarmou o vigilante e levou uma quantia em dinheiro. Fala-se em R$ 2 mil.

A informação que circulou nas redes sociais é de que se tratava de um PM preso por crime militar, sob a guarda do comando da PM, o que motivou revista na carceragem do Comando Geral. A assessoria de imprensa da PM divulgou nota afirmando que todos os presos estavam no cárcere.

O fardamento chegou a confundir policiais que estavam nas proximidades do cartório, fazendo patrulha no Centro, e achavam que se tratava de um colega chegando para atender à ocorrência. O falso PM, porém, atirou contra eles, ao vê-los tentar se aproximar do cartório, fugindo na garupa de uma motocicleta e desaparecendo.

A serventia foi de Lucas Marques Pinheiro, o Luquita, já falecido, e hoje é dirigida por José Carlos Oliveira.

“A Corregedoria do Tribunal de Justiça do Amazonas já determinou que todos os cartórios implementem sistema de cobrança por boleto bancário, para evitar os assaltos que vêm ocorrendo”, disse o vice-presidente da Associação dos Notários e Registradores do Amazonas (Anoreg), Marcelo Lima. Foram assaltados, anteriormente, o Cartório de Registro Civil da Constantino Nery e o 6º Tabelionato de Notas.

Até o momento da publicação desta matéria, a polícia ainda não tinha pistas do falso PM responsável pelo assalto.

Veja a íntegra da nota da PM sobre o assalto:

NOTA Á IMPRENSA

A Diretoria de Comunicação da Polícia Militar do Amazonas informa que policiais da 24ª Companhia Interativa Comunitária (CICOM) foram acionados para atender uma ocorrência de roubo, por volta de 14h17, na avenida Joaquim Sarmento, bairro Centro.

Ao chegar no local foi constatado que dois infratores com arma de fogo, um deles usando farda da PM, realizaram roubo em um cartório, subtraindo do caixa valores não informados e um revólver calibre 38 pertencente ao vigilante do local.

Os infratores efetuaram vários disparos contra a equipe de policiais conseguindo empreender fuga em uma motocicleta Honda CB-300, cor vermelha e placa NOV-9377.

Policiais militares do Comando de Policiamento Metropolitano (CPM), estão nas ruas realizando patrulhamento no sentido de capturar os infratores. O Serviço de inteligência da Polícia Militar já está apurando sobre o infrator fardado. O caso já está sendo apurado pela Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD).

 

DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DA POLÍCIA MILITAR DO AMAZONAS

Veja abaixo os vídeos dos dois crimes:

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.