MP pede cancelamento dos shows de Wesley Safadão e Xand Avião no Nordeste

MP pede cancelamento dos shows de Wesley Safadão e Xand Avião no Nordeste

O Ministério Público do Rio Grande do Norte entrou com um pedido na Justiça para que sejam cancelados os shows de Wesley Safadão e Xand Avião em Mossoró, marcados para as próximas semanas, durante uma celebração junina paga pela prefeitura.

Segundo a Folha de S. Paulo, o MPRN pede que os cachês dos cantores, que somam R$ 1 milhão, sejam destinados à Educação, para que a prefeitura possa contratar profissionais para atender aos alunos com deficiência da rede pública de ensino do município.

O pedido foi feito nesta terça-feira (31/5), por uma ação civil pública. A solicitação ocorre em meio a uma polêmica em torno de cachês milionários pagos por prefeituras de todo o Brasil a cantores sertanejos. Gusttavo Lima é o pivô da discussão, com três shows investigados pelo MP em Minas Gerais, Rio de Janeiro e Roraima.

Wesley Safadão cobrou R$ 600 mil da Prefeitura de Mossoró para o show, marcado para o dia 9. Já Xand Avião, que deverá se apresentar no dia 16, tem um cachê de R$ 400 mil.

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.