Vereador ressalta importância de avaliar alunos da rede pública prejudicados pela pandemia

O vereador Professor Samuel (PL). Foto: Divulgação

Em alusão ao Dia Internacional da Educação, nesta segunda-feira (24/1), o vereador Professor Samuel (PL) destacou a importância da indicação nº 843/2021, que pede a inclusão junto as secretarias municipal e estadual de Educação o sistema contínuo de avaliação dos conteúdos programáticos a todos os alunos da rede pública em função dos períodos prejudicados pela pandemia da Covid-19.

A indicação apresentada dispõe de uma preocupação do vereador com a falta das aulas presenciais durante o período da pandemia, onde perceptivelmente instaurou-se uma lacuna na vida escolar dos alunos da rede pública, precisando, portanto, rever com urgência uma forma de compensar e estabelecer o nível de aprendizagem.

“Essa avaliação seria uma forma de perceber o déficit de cada estudante, indicando a ele o reforço necessário. Sabemos que muitos não tiveram condições de sentar em lugar confortável e apropriado, assistir as aulas e tirar suas dúvidas, portanto essa avaliação faz-se mais que necessária”, enfatizou Samuel.

As aulas na capital amazonense irão iniciar de forma remota no dia 7 de fevereiro e o início das aulas presenciais do ano letivo das escolas da rede pública estadual do Amazonas foi adiado de 7 para 14 de fevereiro. Essas medidas foram tomadas após reunião do Comitê Intersetorial de Enfrentamento da Covid-19.

Para o autor da proposta, a preocupação com os protocolos de combate à pandemia devem ser respeitados. Ele ainda ressaltou a preocupação com a aprendizagem dos alunos com o adiamento do início das aulas e o sistema remoto de aprendizagem. “Precisamos tomar todos os cuidados possíveis para combater uma nova onda da Covid-19. Mais uma vez, a educação é prejudicada, e reafirmo que assim que possível é urgente que façamos a mensuração de aprendizagem dos nossos alunos.”

O parlamentar irá marcar nos próximos dias uma reunião com as secretarias municipal e estadual de Educação para tratar deste assunto.

PUBLICIDADE
Veja também
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.