Na festa da Padroeira de Parintins, Braga anuncia que será o relator do orçamento do Ministério das Cidades

“Assim que terminarem as eleições deste ano, volto para o Senado Federal para ser o relator do Orçamento de 2019 do Ministério das Cidades”. A revelação foi feita pelo senador Eduardo Braga, na manhã desta segunda-feira (16/07), durante entrevista a emissoras de rádio em Parintins. O senador está na cidade para participar dos festejos de Nossa Senhora do Carmo, padroeira de Parintins.

TCE 68 anos

Integrante da Comissão Mista de Orçamento (CMO), órgão legislativo formado por senadores e deputados para examinar e emitir pareceres sobre matérias orçamentárias, Braga assumiu a relatoria de uma de 16 áreas temáticas que compõem o Orçamento Geral da União: a de Desenvolvimento Urbano, que abrange o Ministério das Cidades e os órgãos a ele vinculados.

Criada em 2003, a pasta tem a função de criar e desenvolver políticas de desenvolvimento urbano e de subsídio à habitação popular, saneamento e transporte urbano, entre outras. O famoso programa “Minha Casa, Minha Vida” é, por exemplo, administrado pelo ministério.

“Sei que muitos sairão para descansar assim que terminarem as eleições. Eu vou voltar para Brasília para relatar o orçamento do próximo ano do Ministério das Cidades. Será um desafio, pois trata-se dos investimentos na infraestrutura urbana do país”, disse o senador, durante a entrevista.

Para Eduardo Braga, o trabalho de relator de Orçamento é importante para viabilizar recursos para o estado. “Muito do que conseguimos para o Amazonas nos anos de 2017 e 2018 foi fruto do nosso trabalho como relator do orçamento da União, quando colocamos emendas para as áreas de saúde e educação”, afirmou. “Esse trabalho possibilitou a liberação de recursos para custeio e investimentos para áreas que antes o Governo Federal não liberava, como o incremento do PAB (Piso de Atenção Básica), criado por mim enquanto relator-geral do Orçamento da União”, lembrou.

 

Recursos

O senador informou que, na sexta-feira dia 29 de junho, primeira noite do Festival Folclórico de Parintins, foi depositado na conta da Prefeitura recursos da ordem R$ 1,3 milhão para compra de equipamentos hospitalares para as unidades de saúde do município. “Esse incremento financeiro é importante para a prefeitura que, apesar de poucos recursos, muitas vezes tem que arcar com o custeio da saúde, deixando de investir em estrutura, como a aquisição de novos equipamentos”, explicou.

Veja também
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *