Domingo, 22 de julho de 2018

Braga volta a cobrar esclarecimentos sobre falhas na recuperação da BR-319

Em sessão extraordinária da Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI), na manhã desta quarta-feira (11/07), o senador Eduardo Braga (MDB/AM) voltou a cobrar esclarecimentos e providências para a sequência de desinformação e erros cometida nos empreendimentos federais realizados na Região Norte, especialmente no Amazonas.

Diante de indicados da Presidência da República a cargos de direção em órgãos, como o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), o parlamentar citou o atraso de mais de 10 anos nas obras de recuperação da BR-319, que liga as capitais Manaus (AM) e Porto Velho (RO), além das informações divergentes que envolvem o asfaltamento do trecho Lábrea – Humaitá, no Amazonas, na BR-230, a Transamazônica.

“O que me deixa indignado é que, depois de oito anos de mandato, eu tomei conhecimento, por meio de um documento oficial, que a BR-319 estava sem estudo de impacto ambiental desde 2009”, disse o parlamentar, que preside o colegiado. “Em todos esses anos, sempre questionamos ministros, diretores do Dnit e de órgãos envolvidos. A resposta era “estamos apresentando estudos complementares para alcançarmos o licenciamento”. Isso é inaceitável e inadmissível”, acrescentou.

Ontem, a CI aprovou requerimentos – propostos por Braga e os senadores Acir Gurgacz (PDT/RO) e Vanessa Grazziotin (PCdoB/AM) – que convocam ministros a esclarecerem a real situação da rodovia e das demais obras atrasadas. As matérias exigem a presença de Edson Duarte (Meio Ambiente), Torquato Jardim (Justiça) e Valter Casimiro (Transportes) no colegiado. A data ainda será definida. “Não é regra de o Senado convocar ministro. Mas diante do tamanho da indignação desta comissão, a CI, por falta de explicações e informações honestas, nãos nos restou outra alternativa”, declarou o senador.

 

Resposta

Em resposta às manifestações do parlamentar amazonense, José Tiago da Silva, indicado a diretor-geral do Dnit, garantiu que, caso realmente assuma o cargo, adotará as devidas providências para acelerar a concessão dos licenciamentos necessários para obras na BR- 319. “Ela é importante para o Brasil”, disse.

Veja também

Adaf orienta transportadores de embarcações de produtos de origem animal e vegetal em Manaus Com o objetivo de assegurar a segurança e a qualidade dos produtos alimentares de origem animal e vegetal, nas embarcações de Manaus, a Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf), órgão vinculado à Secretaria de Estado da Produção Rural (Sepror...
Inscrições para concurso da Câmara Legislativa do Distrito Federal terminam dia 25. São 91 vagas e s... Foto: Reprodução Termina no próximo dia 25 o período de inscrições para o concurso público da Câmara Legislativa do Distrito Federal. O certame oferece 91 vagas para nível médio e superior. A remuneração para nível superior é de R$ 15.879,40 e nível médio, R$ 10.650,18. ...
Fronteira com Colômbia e Peru: Atalaia do Norte vem registrando altos índices de violência e tráfico... Foto: Reprodução   O município de Atalaia do Norte, distante 1,136 mil quilômetros de Manaus, na Região do Alto Solimões, fronteiriço com a Colômbia e Peru vem registrando altos índices de violência e de tráfico de drogas. Um dos principais motivos, segundo repre...
Polícia acaba festa de traficante e prende bando com drogas e armas de fogo em Manacapuru Foto: Divulgação Um bando com 14 infratores, dentre eles uma menor foram detidos com drogas e armas de fogo em uma suposta festa de um traficante em Manacapuru, por volta das 2h da madrugada de sexta para sábado (21). De acordo com informações da Polícia do município,...
AM fecha semestre com 329 vagas de emprego a menos, mas aumenta contratações em junho. Entenda Foto: Reprodução No primeiro semestre 329 postos de trabalho a menos de janeiro a junho de 2018. As informações fazem parte do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado pelo Ministério do Trabalho na sexta-feira (20). Segundo o levantamento feito...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook