Segunda-feira, 18 de junho de 2018

Programa Diário da Manhã


Ouvir a Rádio Diário Ao Vivo

Dupla envolvida em execução e decapitação no Lago Azul é presa. Cabeça do morto foi feita de bola

Dupla tinha mandados de prisão temporária expedidos pela Justiça. “K2” se entregou à polícia na última quinta, e “Thiago Doido” foi detido no sábado. Fotos: Erlon Rodrigues/ PC-AM

Adriano Gomes Correa, 25, o “K2”, e Francisco Gomes da Silva, 28, chamado de “Thiago Doido”, envolvidos no homicídio de Rodrigo dos Santos Aranha, que era conhecido como “Balotelli”, 21, foram presos em cumprimento a mandado de prisão pelo crime.

A execução aconteceu no dia 3 dezembro de 2017, na segunda etapa de um conjunto habitacional situado no bairro Lago Azul, zona norte de Manaus. “Thiago Doido” chegou a jogar bola com a cabeça da vítima.

Prisões

Nesta segunda-feira (12), a Polícia Civil, via o delegado Juan Valério, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), falou sobre prisão temporária dos dois suspeitos.

Valério contou que na última sexta-feira (9), “K2” se entregou no prédio da DEHS, onde foi cumprido o mandado de prisão em nome dele. O infrator estava acompanhado de um advogado.

“Thiago Doido” foi preso na tarde do último sábado (10), por equipes da Secretaria-Executiva-Adjunta de Operações Integradas (Seaop), em ação integrada com a equipe da Análise de Inteligência da DEHS.

Denúncias

“Recebemos delações anônimas, por meio do número 181, o disque-denúncia da SSP-AM, informando que “Thiago Doido” estava escondido em uma residência na rua Independência, bairro Cidade Nova, zona norte da capital. Durante a abordagem, o infrator ainda tentou empreender fuga pelo telhado do imóvel, mas acabou capturado pelos servidores da Seaop”, explicou o major Klinger Paiva, secretário da Seaop, vinculada à Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

Os mandados de prisão temporária, com prazo de 30 dias, foram expedidos no dia 9 de fevereiro deste ano, pela juíza Mirza Telma de Oliveira Cunha, da 1ª Vara do Tribunal do Júri.

Operação Keres

A dupla era alvo da operação “Keres”, deflagrada pela Polícia Civil na noite do dia 3 de março deste ano, sob o comando dos delegados Juan Valério e Torquato Mozer, respectivamente titular e adjunto da DEHS.

A ação contou com o reforço de equipes lotadas em unidades da instituição e apoio de servidores da Seaop e da Polícia Militar. Os trabalhos ocorreram no local onde aconteceu o homicídio de “Balotelli”.

Participação no delito

Juan Valério destacou que no dia do crime, “K2” estava em uma motocicleta, dando apoio ao carro que estava levando a vítima até uma área de mata fechada. No lugar, o infrator segurou “Balotelli” enquanto estava sendo esfaqueado e, posteriormente, decapitado.

“O bando enterrou o corpo da vítima, mas no momento em que os infratores estavam saindo do balneário, algumas pessoas os viram deixando o local. Então eles retornaram à cova, desenterraram o cadáver e o abandonaram em uma área visível, onde foi encontrado naquele mesmo dia”, enfatizou o titular da DEHS.

Naquele mesmo dia, “Thiago Doido” foi até uma quadra de esportes naquela região e jogou futebol com a cabeça da vítima.

Investigação

Ao todo, 22 pessoas participaram da morte de Rodrigo. A vítima foi decapitada e teve a cabeça jogada nas proximidades de uma quadra de esportes naquela região.

Na tarde da última quinta-feira (8), Milena Garcia da Silva, 19, foi presa pelas equipes da DEHS. A jovem confessou, durante depoimento na DEHS, que decapitou a vítima utilizando uma faca.

Delegado Juan Valério lembrou que polícia segue na busca por mais nove foragidos envolvidos na morte

Ordem judicial

O titular da DEHS relembrou que durante a deflagração da operação “Keres” foram cumpridos oito mandados de prisão temporária, com prazo de 30 dias, por homicídio. As ordens judiciais estavam em nome de Beatriz Lisboa Amaral, 18; Joyce Mara Batista da Silva, 19; Samara Silva Lima, 25; José Roberto Marinho Carlos, 34, o “Betinho”, e nos nomes de duas adolescentes, sendo uma de 14 e outra de 17 anos.

Outras duas pessoas já estavam presas: Ateildo Costa Ribeiro, 36, o “Bola”, preso no dia 2 de março deste ano, pelas equipes do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), e Francisco Gelisson Juca da Rocha, 26, conhecido como “Plenitude” ou “Xavier”, que está cumprindo pena no Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), e é apontado como mandante do crime e chefe da organização criminosa.

Nove foragidos

“Além dos nove envolvidos, outras duas pessoas, ligadas ao crime, morreram durante as investigações”, disse Valério. A autoridade policial enfatizou que agora, com as prisões de “K2” e “Thiago Doido”, outras nove pessoas que participaram da morte de “Balotelli” continuam foragidas.

Adriano e Francisco foram indiciados por homicídio qualificado e organização criminosa. Ao término dos procedimentos cabíveis na DEHS, eles serão levados ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde devem ficar à disposição da Justiça.

Veja também

Quatro homens em motos executam vítima no Canaranas Wadson da Silva Serodo, 30, foi executado a tiros na noite deste domingo (18), na esquina da J, no conjunto Canaranas, Cidade Nova, zona norte de Manaus. Conforme testemunhas, quatro homens em duas motocicletas se aproximaram da vítima e efetuaram diversos disparos. W...
Traficante é baleado no Parque Dez, leva 8 tiros e não resiste. Carro ficou cravado de balas. Veja v... Traficante da área do Parque Dez foi alvo de atentado e não resistiu aos ferimentos. Foto: Divulgação O traficante Anderson Oliveira Sifuente, 55, foi morto com diversos tiros neste domingo (17), na rua 24, no Parque Dez, zona Centro-Sul. Conforme informações de teste...
Tio Patinhas, segundo maior traficante do Comando Vermelho, é preso em Pernambuco Tio Patinhas foi preso em ação conjunta da PM de Pernambuco e SSP do Amazonas, em apartamento de luxo. Perigoso e o segundo narcotraficante abaixo de Gelson Carnaúba, o Mano G, o conhecido Tio Patinhas, Clemilson dos Santos Farias, 38, foi preso em Pernambuco, em Jaboatã...
Jovem é assassinado a tiros quando fazia compras em mercadinho no Nova Cidade Um jovem identificado como Heitor Gabriel Lima de Medeiros, 20, foi morto a tiros dentro de um mercadinho nesta sexta-feira (15). O crime ocorreu na avenida Principal 3, bairro Nova Cidade, zona Norte de Manaus. Conforme informações de testemunhas, um homem encapuzado...
Em contra-ataque para barrar violência, Operação Cavalo de Aço prende homicida, fecha bares e apreen... Forças de segurança montaram a operação Cavalo de Aço para percorrer as zonas de Manaus e em zonas de tráfico de drogas. Fotos: Valdo Leão/ Secom As forças de segurança pública do Estado realizaram, na noite de sexta-feira (15) e na madrugada deste sábado (16), uma ação ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook