Quarta-feira, 20 de junho de 2018

Delegado Péricles diz que sobreviver a tiro abriu horizontes e anuncia candidatura a deputado

Depois de quatro meses de levar um tiro durante uma diligência em Manaus, o delegado Péricles pode sair candidato a uma vaga na Assembleia Legislativa. Foto: Divulgação

Durante o período de internação e recuperação entre uma cirurgia e outra, o delegado Péricles Nascimento, que levou um tiro na boca que estilhaçou sua mandíbula ano passado, amadureceu a ideia de ajudar policiais com a possibilidade de sair candidato às eleições de 2018.

Procurado por integrantes das polícias Militar e Civil, e da própria população, mostrando mais uma vez o poder da categoria em valorizar a prata da casa, Péricles deve disputar uma vaga na Assembleia Legislativa do Estado (Aleam), concorrendo a deputado estadual.

Sem filiação

Apesar de não ser filiado a nenhum partido político no momento e nesta sexta-feira (9) passar por mais um procedimento cirúrgico em São Paulo, o delegado, em entrevista exclusiva ao Portal Marcos Santos, contou que ama ser policial e exercer sua atividade, mas que durante suas internações procurou uma forma de ajudar policiais e a sociedade a não passarem pelo que vive depois de ser baleado.

“E ao mesmo tempo pensei em aumentar a abrangência do trabalho que sempre realizamos. Tudo isso foi acentuado quando os companheiros policiais de todas as corporações e a população me mandavam mensagens de apoio, me mostrando que eu seria um ótima opção como representante da sociedade, pois eles sempre diziam que confiavam em mim e no meu trabalho”, falou Péricles.

Pela legislação eleitoral em vigor, a filiação partidária para efeito do pleito deve ocorrer até 6 meses antes das eleições no ano, programadas para outubro.

Taurus x Fuzil

O delegado foi alvejado no dia 8 de outubro, durante operação policial para desarticular uma quadrilha especializada em roubos de automóveis na comunidade Campos Sales. Ele sobreviveu ao disparo que estilhaçou a mandíbula e passou por cirurgias em Manaus e em São Paulo.

Mais de quatro meses depois, hoje ele faz um procedimento cirúrgico para ajustes de implante dentário. Entre suas bandeiras, ele defende modernização e aparelhamento das forças de segurança, especialmente de quem está na linha de frente, os policiais. “É inadmissível que ainda se lavre auto de prisão em flagrante no “word”, e que continuemos usando pistolas Taurus enquanto a criminalidade está com fuzil de alto poder de destruição batendo na nossa porta”.

Confira trechos da entrevista de Péricles Nascimento:

Algum partido ou grupo político já o procurou visando as eleições de 2018?

Sim, recentemente conversei com algumas pessoas ligadas a partidos que convidaram para me filiar. Estamos analisando alguns convites de partidos que se alinham com a nossa forma de atuar e a nossos projetos voltados para combater a violência crescente em nosso Estado.

Em outros momentos, a categoria já apoiou outros nomes para o Poder Legislativo. Como é a recepção de Péricles como possível candidato?

Muitos policiais estão me procurando dizendo que me apoiam, confiam em mim. Eles querem que esse grupo novo de policiais tenham um maior espaço pois são eles que fazem a segurança pública. Os colegas, tanto da Polícia Civil quanto da Polícia Militar, e até mesmo da Polícia Federal, sabem que sempre estive na linha de frente, com isso conheço de perto todas as nossas dificuldades e do que se precisa para melhorar as condições de trabalho da classe policial como um todo. Todos nós somos guerreiros!

Quais seriam suas principais bandeiras numa eventual candidatura?

Quem está na rua, faz sua atividade por amor e por vocação, por isso é importante termos uma pessoa que entenda a realidade dos policiais e dê como prioridade estruturar e qualificar as nossas polícias, buscar inovações tecnológicas, aproximá-los das outras polícias mais evoluídas. É inadmissível que ainda se lavre auto de prisão em flagrante no “word”, e que continuemos usando pistolas Taurus enquanto a criminalidade está com fuzil de alto poder de destruição batendo na nossa porta.

Veja também

Assaltantes flagrados e presos instantes antes de entrar no Bradesco do Alvorada. Veja vídeos Dois suspeitos foram detidos hoje em ação da Polícia Civil no Alvorada. Foto: Divulgação Pelo menos quatro homens foram presos suspeitos de tentar assaltar uma agência bancária do Bradesco no bairro Alvorada, zona Centro-Oeste de Manaus, segundo a Polícia Civil. Segun...
Criança de 2 anos desaparece em Maraã e família faz buscas. Menino foi sequestrado há 14 dias Família tem feito buscas pelos municípios vizinhos, como Tefé. Foto: Divulgação Há 14 dias o pequeno João Caldas dos Santos Neto, de 2 anos e 11 meses, está desaparecido da cidade de Maraã (distante 634 quilômetros de Manaus). A Polícia Civil do Amazonas, por meio da ...
Veto a reajuste salarial da PM é ação irresponsável do governo, afirma Serafim  Para Serafim Corrêa, o governador Amazonino erra ao colocar a culpa do veto ao reajuste dos policiais, nos deputados da Assembleia Legislativa. Foto: Divulgação O deputado Serafim Corrêa (PSB) avaliou como irresponsável a decisão do Poder Executivo de vetar a integralida...
Preso foragido que matou homem a facadas durante bebedeira em 2008 Romilson Pacheco cumpria pena no regime semiaberto e estava foragido desde 2016. Foto: Divulgação Romilson Pacheco de Souza, 35, foi detido em cumprimento a mandado de prisão preventiva por homicídio, nesta segunda-feira (18). A prisão foi realizada pela equipe de inv...
Investigador acusado de agressão contra advogada em Tefé é afastado das funções OAB pediu o afastamento do investigador acusado de agressão contra advogada, em Tefé, no mês passado. Foto: Divulgação O investigador Norton Carvalho de Barcellos, lotado na Delegacia de Tefé (distante 525 quilômetros de Manaus), foi afastado de suas funções e responderá...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook