Travesti é executado com mais de 20 tiros. Vítima estava amordaçada e amarrada

Segundo registro da polícia, a vítima estava amordaçada e com as mãos amarradas com fita, e teria sido executada no local, com tiros concentrados na cabeça. Foto: Divulgação

O corpo de um travesti, ainda não identificado, foi encontrado na madrugada desta terça-feira (13) na rua Palmeira do Miriti, bairro Distrito Industrial 2, zona Leste.

Amordaçado

Segundo registro da polícia, a vítima estava amordaçada e com as mãos amarradas com fita, e teria sido executada no local, com tiros concentrados na cabeça.

Conforme peritos, foram pelo menos 27 disparos. Ele estava vestido apenas com uma camiseta, sem a parte debaixo da roupa.

O cadáver foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML). O crime deve ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

PUBLICIDADE
Tags: DEHS, execução, IML
Veja também
1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Carlos Costa disse:

    Lamentavel…a homofobia se fazwndo predente!