Ortopedistas confirmam enfrentamento e anunciam ações em hospitais a partir deste sábado (25/11)

Rafael Benoliel anuncia enfrentamento para receber os salários atrasados

Rafael Benoliel, presidente do ITO-AM, levanta troféu durante recente congresso da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) em Manaus. Entre ele e o médico Francisco Brandão, o presidente da SBOT-AM, Paulo Su. Ortopedistas querem “resgatar dignidade”

Os ortopedistas, associados ao Instituto de Traumatologia e Ortopedia do Amazonas (ITO-AM), aprovaram o enfrentamento ao Governo do Estado. Eles querem o pagamento imediato dos salários atrasados de agosto, setembro e outubro. A Secretaria de Estado da Saúde (Susam) firmou acordo com 17 cooperativas para pagamento escalonado. Só o ITO-AM ficou de fora.

Assinaram o acordo com o Governo, celebrado na tarde desta sexta-feira: Coopaneo, Coopanest, Coopenure, Iete, Coopati, Cooped, Coap, Imed, Igoam, Icea, Univasc, Cooperclin, Saap, Queiroz, Cardiobaby, Cooperfint e S J Atividade Médica Hospitalar.

Enfrentamento

O ITO-AM realizou assembleia na noite da mesma sexta (24/11), na sede do Conselho Regional de Medicina do Amazonas (CRM-AM). “Está mantida a manifestação de amanhã”, diz Nota Oficial emitida após o encontro. Sem explicar como farão, os médicos afirmam que iniciará às 7h e se estenderá “até acordo bom para as partes”.

O ITO-AM, que já havia anunciado disposição de judicializar a dívida com o Estado, contratou corpo jurídico para negociar. O instituto é composto por 118 médicos que atuam em todos os prontos-socorros de Manaus, adultos e infantis.

“Nosso intuito nunca foi e nunca será a beligerância. Mas chegou a hora de resgatar um pouco da dignidade e respeito que nossa classe merece”, diz a nota.

Veja abaixo a íntegra do comunicado dos 118 médicos do ITO-AM anunciando o enfrentamento:

NOTA OFICIAL

Nós, ortopedistas e sócios do ITOAM, mais uma vez reunidos na Sede do CRM na noite de hoje (24/11), decidimos:

– Em virtude na negativa de acordo por parte do Governo do Estado, frente à nossa contraproposta, está MANTIDA a MANIFESTAÇÃO de amanhã;

– A mesma se iniciará às 7h do dia 25.11.2017 e se estenderá até que haja um acordo, que seja bom para ambas as partes;

– A partir de hoje as tratativas passam a ser lideradas por um corpo jurídico contratado especialmente para tal.

Sendo o ITOAM uma Empresa composta por 118 profissionais da mais alta capacitação e honra, ressaltamos que nosso intuito nunca foi, e nunca será, a beligerância, mas acreditamos que chegou a hora de resgatar um pouco da dignidade e respeito que nossa classe merece. Que venha o diálogo… sem imposições.

Veja também

Governo fecha acordo com 17 cooperativas médicas, isola ITO-AM e médicos alfinetam gestão David Alme... Médicos e enfermeiros aceitaram parcelamento dos salários, que estão atrasados entre um e cinco mesesO Governo do Amazonas, em reunião realizada na tarde desta sexta (24/11), firmou acordo salarial com 17 cooperativas médicas. Vai pagar outubro, "o mês da atual gestão",...
Ortopedistas decidem negociar até esta sexta (24/11) e não descartam manifestações a partir de sábad... Pronto-socorro 28 de Agosto seria uma das unidades prejudicadas por manifestaçõesMédicos ortopedistas terceirizados do Governo do Amazonas decidiram, às 21h30 desta quinta (23/11), uma série de passos para negociar salários atrasados. Eles não receberam agosto, setembro...
Governo do Estado antecipa pagamento de médicos para evitar paralisações O secretário de Saúde, Francisco Deodato, participou de reunião na Sefaz para viabilizar o pagamento dos médicos. Foto: ArquivoA Secretaria de Estado de Saúde (Susam) afirmou, em nota, que a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) comunicou nesta quinta-feira (23) que v...
Classe médica emite alerta sobre possível paralisação geral de unidades no AM por atrasos salariais... Médicos de várias especialidades que atendem nas unidades de urgência e emergência adulto e infantil do Estado emitiram uma nota em que fazem um alerta à sociedade amazonense para uma possível paralisação de suas atividades, caso o Governo do Amazonas não atualize os repas...
Cirurgiões e ortopedistas ameaçam parar Prontos-Socorros e SPAs, a partir de sábado. Estado deve par... "Quem trabalha tem que receber", afirma presidente do ITO-AM Cirurgiões e ortopedistas que integram o quadro do Instituto de Traumato-Ortopedia do Amazonas (ITO-AM) ameaçam suspender os atendimento eletivos a partir deste sábado (25/11). Isso se o Governo do Estado não reg...

Um comentário para “Ortopedistas confirmam enfrentamento e anunciam ações em hospitais a partir deste sábado (25/11)

  1. Arivan disse:

    É muito fácil para um juizeco qualquer, achar que um trabalhador , NÃO PODE DEIXAR DE TRABALHAR, MAS VÁ LÁ “DOUTORZAO” TRABALHE SEM RECEBER POR 03 MESES PRA FRENTE SE O EXCELENTÍSSIMO VAI AGUENTAR FICAR SEM DINHEIRO PARA SUAS ESTADAS NO SHOPPING, PAGAR SEU CONDÔMINIO , SEUS RESTAURANTES E INFINDÁVEIS ” REUNIÕES” para ver se aguenta. TEM um ditado que fala Pimenta no C. .. dos outros é refresco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook