Situação dos reservatórios da Manaus Ambiental revela descaso da empresa com a população. Veja as fotos

Reservatório da Manaus Ambiental no conjunto Campos Elíseos mais parece um depósito de lixo. Foto: Divulgação Arsam

Um levantamento técnico iniciado pela equipe de engenheiros do Departamento de Fiscalização de Saneamento da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Concedidos do Estado do Amazonas (Arsam) nos reservatórios sob a concessão da Manaus Ambiental, tem revelado um descaso por parte da empresa responsável pelo fornecimento e distribuição de água na cidade de Manaus.

Registro fotográfico feito pela equipe da Arsam nos reservatórios do bairros Jorge Teixeira IV, João Paulo, Mutirão e conjunto Campos Elíseos, evidenciam um cenário de total abandono. O lixo tomou conta da estrutura, o mato e o lodo estão por toda parte e cobrem as tubulações da área externa, galhos secos de árvores amontoados, restos de móveis, caixas de isopor e de madeira se acumulam nos reservatórios.   

De acordo com os dados da Manaus Ambiental, existem 186 reservatórios, sendo 140 ativos e 46 inativos. Estes números serão comprovados, principalmente com relação aos inativos.

As vistorias, que iniciaram em julho deste ano e tem previsão de término para dezembro, foram intensificadas nas últimas semanas, e mais de trinta reservatórios já foram fiscalizados pessoalmente pelos engenheiros da Arsam, que avaliam a manutenção dos equipamentos, urbanização, revitalização do local, a permanência de segurança, riscos de invasões e vazamentos. 

O problema mais frequente nas últimas vistorias foi com relação à falta de conservação dos locais, que estão propensos à ocupação irregular por ausência de vigilância ou estrutura de proteção. Alguns estão sendo utilizados como depósitos e outros até como comércios. Após a finalização do diagnóstico, a concessionária será notificada pela Arsam e terá prazo estabelecido para realizar os reparos e melhorias necessários nesses equipamentos.

Áreas fiscalizadas – Os bairros e localidades já visitados foram: Jorge Teixeira I, II, III e IV, Nova Floresta, Brasileirinho, João Paulo II, Armando Mendes, Zumbi I, Zumbi III, São José II e III, Amazonino Mendes, Viver Melhor II, Cidade de Deus, Cidade Nova, Mutirão, Nossa Senhora de Fátima, Mundo Novo, Colônia Santo Antônio, Centro, São Jorge, Compensa, Ponta Negra, São Raimundo.

O diretor-presidente da Arsam, Walter Cruz, ressalta que denúncias ou reclamações, se não atendidas pela Manaus Ambiental, devem ser registradas nas Ouvidorias da Arsam, no PAC do Uai Shopping São José, localizado na avenida Cosme Ferreira, São José I, e no PAC Shopping Sumaúma, na avenida Noel Nutels, Cidade Nova, ou por meio dos telefones de atendimento ao usuário 0800 280 8585, 3234-8787 e (92) 98423-0981.

Veja também

Arsam inaugura nova unidade da Ouvidoria do órgão no PAC do Sumaúma Park Shopping A nova Ouvidoria da Arsam foi inaugura nesta terça e vai funcionar de de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h. Foto: Valdo Leão/SecomA Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos do Amazonas (Arsam) inaugurou nesta terça-feira (14/11) uma nova unidade da Ouvidori...
Falta de energia elétrica afeta abastecimento de água nas zonas Centro-Oeste e Norte A estação elevatória do bairro do Alvorada, zona Centro-Oeste, teve o fornecimento de energia elétrica interrompido nesta terça-feira (7), segundo informou a concessionária Manaus Ambiental.Em razão da falta de energia, ocorreu o desabastecimento em bairros das zonas Cen...
Temporal faz Manaus Ambiental interromper abastecimento de água para bairros das zonas Norte e Leste... A Manaus Ambiental informa que em virtude da fort­e chuva com rajadas d­e vento que atingiu a­ capital amazonense h­oje (30) com a confir­mação da Defesa Civil­ Municipal de pelo me­nos sete ocorrências ­- entre elas destelha­mento de casa e cinco­ tombamentos de arvor­e...
Energia x água: Amazonas Energia sugere à Manaus Ambiental que compre gerador para evitar falta d... A briga energia x água, com Amazonas Energia e Manaus Ambiental disputando índices negativos na população, esquenta ainda maisEnergia x água, a briga das concessionárias Amazonas Energia e Manaus Ambiental, ganha novo capítulo. A concessionária municipal de água tem jus...
Cosme Ferreira tem lentidão após vazamento em adutora. Trabalhos devem ir até à noite Trânsito está lento na avenida Cosme Ferreira, no trecho próximo ao conjunto Tiradentes, em razão de vazamento em adutora. Foto: DivulgaçãoA faixa central da avenida Cosme Ferreira, no Coroado, zona Leste, próximo do conjunto Tiradentes, apresenta lentidão no trânsito d...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook