Sexta-feira, 20 de abril de 2018

Coordenadora de Leilão do Detran é dispensada do cargo após denúncia de veículo licenciado com multas

Em consulta ao sistema, veículo de propriedade da servidora foi licenciado mesmo com multas atrasadas, totalizando R$ 1.161,93, sem juros. Atual diretor-presidente do Detran-AM, Vinicius Diniz, determinou abertura de sindicância para apurar denúncia

Três dias após o Portal Marcos Santos publicar denúncia sobre licenciamento de veículo com multas em atraso há 2 anos, de propriedade da coordenadora da Comissão Administrativa de Leilão do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM), Eliane Souza, nesta sexta-feira (10) foi publicada a dispensa da servidora do cargo gratificado do órgão.

A publicação consta do Diário Oficial do Estado do Amazonas da edição de hoje,  página 14, dispensando Eliane Souza da função, considerada de confiança, e nomeando Gleice dos Barros Santos para a coordenação a partir do dia 8 de novembro de 2017.

Sem recurso

Coordenadora na gestão do ex-diretor presidente Leonel Feitoza, Eliane conseguiu licenciar o próprio veículo sem pagar multas de trânsito em aberto e sem recursos.

O atual diretor-presidente do Detran determinou abertura de sindicância para apurar denúncia publicada, mas de antemão a servidora foi dispensada da coordenação que ocupava desde 2013.

Em nota, a assessoria do Detran-AM afirmou que tão logo a sindicância seja concluída, “adotará as providências que o caso exigir”. O diretor Vinicius Diniz afirma, ainda, que não compactua com atos de ilegalidade e irregularidades, e que, se for comprovada a existência de culpa, os autores serão responsabilizados de acordo com a lei.

Ex-diretor

O ex-diretor Leonel Feitoza informou ao Portal que a coordenadora é servidora efetiva do Detran e que quando ele assumiu o cargo só a manteve no posto, não sendo ela de confiança dele.

O ex-presidente ainda afirmou que, à época, como gestor do órgão, não teve participação neste processo, que tem instâncias próprias e independentes.

Licenciamento

Conforme documentos enviados ao Portal Marcos Santos e em consulta simples aos sites do próprio Detran-AM, buscando pelo número do Renavam, as 10 multas existentes no sistema foram suspensas em 28 de julho de 2017, liberando o carro para licenciamento, uma Toyota Hillux de placas PHA-0001.

A multa em aberto mais antiga data de 6 de maio de 2015, por executar operação de retorno em locais proibidos pela sinalização, no valor de R$ 191,54, estando vencido também o prazo de recurso. Há ainda uma notificação de penalidade de multa de 22 de outubro de 2015, duas de 2016 e mais 6 de 2017.

As infrações vão desde dirigir veículo utilizando telefone a conduzir carro sem documento de porte obrigatório, passando pelo não uso do cinto de segurança. As notificações de penalidade de multa também estão pendente de pagamento e/ou recurso junto ao Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans).

Quitação de multas

O licenciamento só poderia ocorrer com quitação das multas, mas foi feito com uma alteração no sistema do Detran, com a suspensão das multas.

O servidor que suspendeu as infrações, sem previsão legal, violou os artigos 130 e 131, §2º do Código de Trânsito Brasileiro. Segundo o art. 130, “todo veículo automotor, elétrico, articulado, reboque ou semi-reboque, para transitar na via, deverá ser licenciado anualmente pelo órgão executivo de trânsito do Estado, ou do Distrito Federal, onde estiver registrado o veículo”.

E o parágrafo segundo, do art. 131, diz que “o veículo somente será considerado licenciado estando quitados os débitos relativos a tributos, encargos e multas de trânsito e ambientais, vinculados ao veículo, independentemente da responsabilidade pelas infrações cometidas”.

Inserção de dados

Além de violar o CTB, o servidor, ao inserir a suspensão das multas, cometeu, em tese, o crime de inserção de dados falsos em sistema de informações que está previsto no artigo 313-A do Código Penal Brasileiro, que prevê pena de 2 anos a 12 anos de reclusão e multa: “Art. 313-A. Inserir ou facilitar, o funcionário autorizado, a inserção de dados falsos, alterar ou excluir indevidamente dados corretos nos sistemas informatizados ou bancos de dados da Administração Pública com o fim de obter vantagem indevida para si ou para outrem ou para causar dano: (incluído pela Lei nº 9.983, de 2000).

Veja também

Detran-AM abre inscrições para curso de Mecânica de Salto Alto Estão abertas as inscrições para o curso Mecânica de Salto Alto do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM). O curso é direcionado exclusivamente para mulheres maiores de 18 anos que procuram conhecer seu veículo. As inscrições podem ser realizadas na Gerê...
Lista dos beneficiários do projeto CNH Social só sai após o período eleitoral Lista de beneficiários da CNH Social só será divulgada depois de outubro. Foto: Arquivo O Departamento Estadual de Trânsito do Estado do Amazonas (Detran-AM) informou, nesta segunda-feira (16/04), que a divulgação da lista dos beneficiários do projeto “CNH Social” só poder...
Mais de 250 motoristas são autuados pelo Detran-AM durante o fim de semana Foto: Divulgação O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM) intensificou a realização das blitz e de fiscalização da Lei Seca, que desde o inicio do ano passaram a ser realizadas quase que diariamente, em pontos estratégicos, em todas as zonas da cidade. Somente no ...
Detran adia suspensão de serviço de entrega de CNH nos dias 18 e 19 Foto: Arquivo O Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) adiou a suspensão do serviço de impressão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na sede do órgão, que estava marcada para os dias 18 e 19 de abril, por conta da transferência de equipamentos para...
Homem bêbado e sem CNH dirigindo em alta velocidade é detido no Santo Antônio Homem identificado apenas como Eden foi detido por dirigir em alta velocidade e apresentar sinais de embriaguez. Ele se recursou a fazer o teste de bafômetro. Foto: Divulgação Por volta das 23h30 desta segunda-feira (9), equipe de policiais militares da 5ª Companhia Inte...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook