Cinco prefeitos do interior buscam apoio para conter erosão de orlas de cidades

Prefeitos das cidades de Tefé, Mancapuru, Jutaí, Anori e Borba estiveram com deputado federal em Brasília em busca de soluções para conseguir recursos para recuperar orlas dos Municípios. Foto: Divulgação

Prefeitos de cinco municípios do Amazonas procuraram o deputado federal Pauderney Avelino (Democratas), em Brasília, em busca de recursos para recuperar e realizar as obras de contenção da erosão de suas orlas, que sofreram estragos com as últimas cheias dos rios. Tefé, Manacapuru, Jutaí, Anori e Borba estão pleiteando recursos para a contenção da erosão.

“Nós estamos resgatando os recursos para fazer a aplicação nesses municípios, buscando evitar a erosão da frentes das cidades e conter o avanço dos rios”, afirma Pauderney.

Projetos no Ministério

Ao todo, o Amazonas possui sete municípios com projetos solicitando recursos para contenção de erosão fluvial e recuperação de orla, no Ministério da Integração, somando um total de R$ 57 milhões em investimentos.

Completam a lista Tabatinga, Lábrea, Codajás e Urucurituba, sendo que este último já conseguiu a liberação de R$ 4,5 milhões para conclusão das obras.

Borba, Manacapuru e Jutaí já possuem projetos no Ministério da Integração pré-aprovados, mas que precisam de dotação orçamentária.

Suplementação

Para isso, o deputado federal Pauderney buscará uma reunião no Ministério do Planejamento para autorizar a suplementação destes projetos para conclusão.

“Já fizemos o processo licitatório e aguardamos a liberação da primeira parcela para começar a obra no nosso município”, afirmou o prefeito de Borba, Simão Peixoto (SD), explicando que o Rio Madeira, já começou a encher e pode atrapalhar o início das obras. “Se o recurso for liberado até o fim de novembro, tenho certeza que ainda poderíamos começar a obra ainda este ano”, afirma o prefeito.

Para o prefeito de Jutaí, Pedro Macário (PDT), que também já possui projeto apresentado no Ministério de Integração, a ansiedade da população é grande para evitar o avanço de terras caídas. “O município está na espera também porque vive o desbarrancamento da orla e com a ajuda do deputado Pauderney aguardamos conseguir a liberação dos recursos”, afirma Pedro.

Veja também

Ipem-AM vai implementar mais nove sedes no interior do Amazonas O IPEM-AM pretende levar todos os serviços que são oferecidos na capital para o interior do estado, com escritórios como o de Itacoatiara. Foto: Valdo Leão/SecomO presidente do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), Carlos Augusto de Azevedo...
Pauderney propõe prorrogação de benefício do IR para empresas da ZFM até 2023 Democrata apresentou projeto de lei para prorrogar benefício de IR para empresas instaladas na ZFM até o ano de 2023. O prazo encerraria no fim de 2018. Foto: DivulgaçãoOs benefícios do imposto de renda para empresas instaladas na Zona Franca de Manaus têm a previsão de...
Pauderney consegue recursos para recuperação da orla de Urucurituba Obra para conter terras caídas em orla de Urucurituba estava parada, por contingenciamento de recursos junto ao Ministério da Integração Nacional. Deputado fez articulação para liberar R$ 4,5 milhões para finalizar a reforma e conter erosões. Foto: DivulgaçãoO deputado ...
PSDB oficializa nesta segunda-feira filiação do deputado federal Carlos Souza, que sai do PSD Nesta segunda-feira o deputado federal Carlos Souza assina filiação no PSDB, saindo das fileiras do PSD, recompondo a bancada amazonense em Brasília. Foto: ArquivoEm setembro, o Portal Marcos Santos antecipou com exclusividade a mudança do deputado federal Carlos Souza ...
Família e assessoria desmentem boato de morte de Sabino Castelo Branco em São Paulo Hoje completam 70 dias desde que Sabino Castelo Branco sofreu um AVC hemorrágico em Manaus. Ele segue internado no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. Foto: ArquivoSetenta dias depois de sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC) hemorrágico em Manaus, neste domingo (...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook