STJ consolida que sexo com menor de 14 anos é estupro de vulnerável

Sexo ou ato libidinoso com menor de 14 anos, independente de ter havido consentimento, é estupro de vulnerável, conforme entendimento do STJ em súmula. Foto: Arquivo

Sexo ou ato libidinoso com menor de 14 anos é estupro de vulnerável, independente de ter havido consentimento. Este é o entendimento do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que solidificou sua jurisprudência em uma súmula, a de número 593.

Além desta, o STJ aprovou mais duas súmulas: uma afirma que o Ministério Público pode para ajuizar ação de alimentos em proveito de criança ou adolescente; outra trata da responsabilidade objetiva das instituições de ensino por cursos não reconhecidos pelo Ministério da Educação.

Os enunciados são o resumo de entendimentos consolidados nos julgamentos e servem de orientação a toda a comunidade jurídica sobre a jurisprudência do tribunal. As súmulas serão publicadas no Diário da Justiça Eletrônico.

Leia abaixo as novas súmulas:

Súmula 593
O crime de estupro de vulnerável se configura com a conjunção carnal ou prática de ato libidinoso com menor de 14 anos, sendo irrelevante eventual consentimento da vítima para a prática do ato, sua experiência sexual anterior ou existência de relacionamento amoroso com o agente.

Súmula 594
O Ministério Público tem legitimidade ativa para ajuizar ação de alimentos em proveito de criança ou adolescente independentemente do exercício do poder familiar dos pais, ou do fato de o menor se encontrar nas situações de risco descritas no artigo 98 do Estatuto da Criança e do Adolescente, ou de quaisquer outros questionamentos acerca da existência ou eficiência da Defensoria Pública na comarca.

Súmula 595
As instituições de ensino superior respondem objetivamente pelos danos suportados pelo aluno/consumidor pela realização de curso não reconhecido pelo Ministério da Educação, sobre o qual não lhe tenha sido dada prévia e adequada informação.

Veja também

Idoso é preso pela Polinter por crime de estupro contra vulnerável Gustavo de Lemos Mattos, 66, é réu em processo de 2007, estando com mandado de prisão preventiva em aberto desde 2016. Foto: DivulgaçãoGustavo de Lemos Mattos, 66, foi preso em cumprimento a mandado de prisão preventivo nesta quinta-feira (18) pelo crime de estupro de v...
Professor de Matemática é indiciado porque trocava notas por sexo em Iranduba Trocava notas por sexo. O delegado Fábio Aly (foto) explicou que equipe chegou até o infrator a partir de denúncias do Conselho Tutelar de Iranduba. Foto: Erlon Rodrigues/ PC-AMProfessor de Matemática é acusado de trocar notas por sexo. Márcio Robson da Silva Andrade, 4...
Condenado por estupro, homem é preso ao ir assinar documentos no Fórum de Justiça Homem de 37 anos recorreu mas foi mantida sentença de condenação por estupro. Foto: DivulgaçãoUm homem de 37 anos foi preso em cumprimento a mandado de prisão nesta segunda-feira (8), nas dependências do Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona Su...
Jovem leva surra da família após parentes descobrirem abuso de garota de 12 anos Um homem de 27 anos, acusado de ter estuprado uma garota de 12 anos, foi agredido por familiares da vítima nesta quarta-feira (27).Segundo informações da Polícia Civil, o estupro teria acontecido na manhã do último sábado (23), no conjunto habitacional Jardim Sumaré, no ...
Idoso de 70 anos é preso em Tefé acusado de estupro de criança de 7 anos Ilson Nonato da Silva, 70, foi preso em flagrante por policiais militares lotados no Batalhão da cidade de Tefé (distante 325 quilômetros de Manaus) nesta madrugada de domingo (24), acusado de estupro de vulnerável contra uma criança de 7 anos.O infrator foi pego por pop...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook