Presidente do TCE recebe medalha de ouro da Câmara de Manaus

Solenidade de entrega da medalha de ouro “Cidade de Manaus, a maior honraria concedida pelo Poder Legislativo Municipal, acontece na quinta. Esta é a terceira medalha recebida pelo presidente Ari Moutinho. Foto: Ana Cláudia Jatahy/ TCE-AM

Com a presença de diversas autoridades, o conselheiro-presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM), Ari Moutinho Júnior, receberá na próxima quinta-feira (9) a Medalha de Ouro “Cidade de Manaus”, a maior honraria concedida pelo Poder Legislativo Municipal às personalidades que prestaram relevantes serviços à capital amazonense.

A solenidade acontecerá no plenário Adriano Jorge da Câmara Municipal de Manaus (CMM), às 10h. A proposta, aprovada por unanimidade, foi subscrita pelos vereadores Joelson Silva (PSC) e Wilker Barreto (PHS).

Essa é a terceira medalha recebida pelo conselheiro-presidente do TCE, durante sua gestão à frente da Corte, biênio 2016-2017. A primeira foi concedida pelo TCE de Minas Gerais e a segunda pelo Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM), em setembro e dezembro de 2016, respectivamente.

Homenagem

Para os autores da proposta, o reconhecimento é uma justa homenagem pelos anos de contribuição à cidade de Manaus e ao Amazonas.

“Além de ser um dos presidentes do Tribunal de Contas mais jovens do Brasil, foi vereador desta Casa por quatro mandatos consecutivos. É uma pessoa dedicada que, precocemente, chegou ao Legislativo, deu conta do recado e hoje tem uma carreira sólida e vitoriosa, de grandes serviços para a sociedade”, relatou o vereador Joelson.

Na avaliação do presidente da CMM, Wilker Barreto, a trajetória do conselheiro serve como um bom exemplo à sociedade, de como uma pessoa, mesmo jovem, pode alcançar grandes cargos e contribuir para a melhoria.

“O conselheiro Ari tem uma história no Estado. Ele faz um mandato sério e muito moderno na presidência do TCE. Teve sua vida pública construída aqui nesse Parlamento. Essa medalha representa o reconhecimento pela contribuição que já deu e continuará dando a nossa cidade e ao Estado”, concluiu Barreto.

Prestígio

Ao falar da homenagem, o conselheiro Ari Moutinho Júnior agradeceu pelo prestígio que o Poder Legislativo Municipal, sua antiga casa, faz à sua trajetória e ao trabalho desenvolvido como vereador e também como presidente do TCE e conselheiro.

“Será um prazer receber essa homenagem ao lado dos meus familiares e amigos. Tenho muito orgulho de ter atuado na Câmara por quatro mandatos consecutivos”, disse.

Veja também

Dallas Filho retorna à CMM e joga balde de água fria em Mauro Lippi O presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), vereador Wilker Barreto (PHS) empossou o 1° suplente da coligação “Por uma só Manaus” , Dallas Filho (MDB) à cadeira deixada pelo vereador Gedeão Amorim (MDB), hoje, deputado federal. O parlamentar assinou o Termo de Poss...
Bradesco oferta R$ 1,7 milhão e fatura folha de pagamento da Câmara de Manaus O banco Bradesco venceu o pregão realizado pela Câmara Municipal de Manaus destinado a contratação de instituição bancária, para prestação de serviços de processamento e administração da folha de pagamento dos servidores efetivos e comissionados, além de vereadores. A ofer...
Vereadores autorizam Prefeitura de Manaus a parcelar dívida de R$ 125,8 milhões com o Fundo de Previ... A Câmara Municipal de Manaus (CMM) autorizou o Executivo Municipal a fazer o reparcelamento e parcelamento especial de débitos do Município de Manaus com seu Regime Próprio de Previdência Social (RPPS), gerido pela Manausprev (Manaus Previdência), em até 200 prestações men...
Ari Moutinho Júnior faz balanço positivo de sua administração à frente do TCE Presidente do colegiado, Ari Moutinho classificou como positiva sua gestão no biênio 2017-2018 na última sessão do pleno deste ano. Foto: Markus Nagawo/TCEÀs vésperas de entregar a presidência do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM) à conselheira Yara Lins dos Santos...
Vereador policial se opõe a namoro da irmã e briga familiar vai parar na delegacia com acusação de e... Gilvandro Mota foi acusado de estupro pela irmã porque combateu o namoro delaUma briga familiar foi parar nas redes sociais e em portais de notícias. O vereador Gilvandro Mota (PTC), que é coronel da PM, tentou se opor a namoro da irmã e foi acusado de estupro por ela. ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook