Período de agendamento para o Simples Nacional já começou

Desde a última quarta-feira, 1° de novembro, começou o agendamento para o Simples Nacional. Com dez anos de existência, o também conhecido Supersimples diminui a burocracia das empresas, reduzindo sua carga tributária e unificando oito impostos em uma única guia com vencimento mensal. O grande benefício do Agendamento é a possibilidade de identificar se a empresa possui pendências e resolvê-las antes do prazo final para o pedido de enquadramento, que vai de 02 a 31 de Janeiro de 2018.

“Sem o agendamento a empresa até pode fazer o enquadramento direto. Porém o grande problema é que, em caso de irregularidades, o tempo para algumas regularizações é maior do que 30 dias. O prazo fica curto e a empresa não consegue realizar o enquadramento”, explica Heber Dionízio, contador responsável pela Contabilizei Contabilidade.

Após o agendamento, a Receita Federal vai avaliar as solicitações e, caso não encontre pendências nos cadastros das companhias nem débitos em aberto, vai confirmar o enquadramento que permitirá a entrada da empresa no regime tributário, que passa a valer no dia 1° de janeiro de 2018.

Duas das maiores vantagens de aderir ao Simples Nacional são a desburocratização do pagamento de impostos e a redução da carga tributária frente ao Lucro Presumido, por exemplo. Além disso, as empresas enquadradas no Supersimples têm sua contabilidade simplificada – com a isenção de algumas declarações – e facilidade na regularização de eventuais débitos com a Receita Federal.

Para 2018, o Simples Nacional terá importantes mudanças que marcarão um avanço significativo para o empreendedorismo no Brasil, possibilitando que mais empresas reduzam a burocracia dos seus negócios mantendo-se em dia com as suas obrigações. Como o aumento do teto de faturamento de R$3,6 milhões para R$4,8 milhões por ano; um novo cálculo para a cobrança das alíquotas, beneficiando as empresas com menor receita; novas tabelas de enquadramento para serviços, permitindo que pequenas empresas de alcoólicas optem pelo regime; um novo prazo para o pagamento de dívidas atrasadas e a criação do investidor-anjo para incentivar as atividades de inovação.

Veja também

Manaus vai sediar encontro da ANS sobre regulação de Planos de Saúde A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) está preparando mais uma edição do Encontro ANS, evento direcionado aos agentes do setor para discutir temas relacionados à regulação do mercado de planos de saúde. A atividade ocorrerá nos dias 21, 22 e 23 de novembro, em Ma...
Amazonas é destaque no encerramento da COP23, na Alemanha  O “Amazonas for the planet program”, lançado pelo Governo do Amazonas na 23ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática (COP23), em Bonn, na Alemanha, foi destaque nesta sexta-feira (17/11), no encerramento do evento. Com a participação de 197 países empenhad...
Governo do Amazonas inicia processo de licitação para construir três novos presídios no interior do ... Foto: Stéfany Seixas/ SeapPor determinação do governador Amazonino Mendes, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) encaminhou à Comissão Geral de Licitação (CGL) processos para abertura de certame visando a contratação de empresas especializad...
Uma surpresa Eis senão quando, vejo-me “autor”. Conto como ocorreu o fenômeno: agindo à sorrelfa, numa trama digna de “thriller” cinematográfico, meus quatro filhos reuniram alguns destes escritos que eu cometo semanalmente, convenceram uma editora e publicaram o conjunto em forma de um ...
Arthur defende liberação da maconha, homossexuais e privatização. E pode renunciar em abril Arthur está de boltanao belho estilo que polemiza e inquietaA Revista Exame, da Editora Abril, coloca o prefeito Arthur Virgílio entre os que renunciarão em abril de 2018. O jornal espanhol El País é mais contundente. Mostra um Arthur que defende da privatização total à...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook