Alto Comissariado das Nações Unidas discute a integração social de indígenas venezuelanos em Manaus

Foto: Marinho Ramos – Semcom

Representantes da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh) e o Alto Comissariado das Nações Unidas aos Refugiados (ACNUR) estiveram reunidos, na manhã desta segunda-feira, 06/11, para tratar de estratégias sobre a integração social para o atendimento de imigrantes indígenas venezuelanos em Manaus.  Atualmente, cinco espaços de acolhimento provisório são geridos pela Prefeitura de Manaus, por meio da Semmasdh, para o abrigamento de 114 indígenas.

 O ACNUR está em missão internacional para acompanhar a situação dos imigrantes venezuelanos. O Brasil é o terceiro país a receber a visita da comitiva, liderada pelo Alto Comissariado de Operações da ACNUR no mundo, George Okoth Obbo, acompanhado da representante da agência no Brasil, Isabel Márquez, e Renata Rubini, representante da ACNUR nas Américas.

 “Agradecemos, com profunda gratidão, o suporte das autoridades locais aos cidadãos venezuelanos, não só para eles, mas para todos que chegam aqui nessa situação. O município pode contar com a parceria do ACNUR. Reconhecemos o engajamento financeiro da cidade, pois não é em todo lugar do mundo que as autoridades se comprometem com essa causa”, destacou.

Os assuntos em pauta foram: a integração social entre os venezuelanos e brasileiros, ajuda com questões burocráticas, angariamento de fundos para o abrigamento de refugiados e o reconhecimento das autoridades locais que desempenham um papel social fundamental para tirar os refugiados da situação de vulnerabilidade social.

“O abrigamento é uma das questões que pretendo abordar em Brasília com o governo federal, pois almejamos conseguir fundos para o Brasil, para ajudarmos na questão do abrigamento de refugiados”, salientou George Okoth Obbo.

Candidatura

Durante o encontro os membros da ACNUR expressaram o desejo de candidatar Manaus ao título de Cidade Solidária. Em alguns países, vários municípios têm demonstrado vontade de contribuir com a integração dos refugiados nas comunidades. A fim de reconhecer seus esforços para melhorar a condição de vida desses grupos vulneráveis, o ACNUR concede a alguns deles o título de “Cidade Solidária”.

 “Nós vamos documentar toda a história positiva das pessoas e autoridades locais que estão envolvidas no acolhimento e integração social dos refugiados na cidade, pois no mundo estamos construindo uma rede de cidades solidárias. Voltaremos a Manaus para tratar desse assunto”, ressaltou Renata Rubini, representante da ACNUR nas Américas.

Veja também

Baile do Hawaii terá som eletrônico comandado por Jesus Luz No camarote VIP, Jesus Luz prepara uma seleção musical com os sucessos que tocam no Brasil e no mundo. Foto: Divulgação O camarote VIP do Baile do Hawaii 2018 vai ferver com reedição do ‘Hawaii Eletro” – um espaço dedicado à música eletrônica. No comando da pickup o renoma...
Inscrições do concurso para defensores públicos são prorrogadas até sexta-feira O concurso para defensores públicos se destina ao preenchimento de 25 vagas e é um compromisso assumido pela administração da DPE-AM. Foto: DivulgaçãoOs interessados em se tornar defensor público ganharam mais uma oportunidade de ingressar na carreira na Defensoria Públ...
Férias com crianças: Museu do Seringal mantém viva a história do período áureo da borracha O Museu do Seringal Vila Paraíso está localizado a 25 minutos de Manaus, às margens do igarapé São João, afluente do igarapé Tarumã Mirim. Fotos: Michael Dantas/SEC.A beleza da natureza interligada com a história do período áureo da borracha é o que você pode encontrar ...
Suhab e SPF discutem possíveis opções de terrenos para construção de 300 unidades habitacionais Os titulares da Suhab e da SPF, Diego Afonso e Paula Kanzler, discutiram as opções de terrenos do Estado para construção do residencial. Foto: Divulgação Os titulares da Superintendência de Habitação do Amazonas (Suhab) e da Secretaria de Política Fundiária do Amazonas (SP...
Governo do Amazonas firma parceria com o Unicef para ações de proteção à infância A parceria com a Unicef foi firmada nesta terça-feira (16/01), na sede da Seas. Foto: DivulgaçãoO Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas), Fundo de Promoção Social (FPS) e das demais Secretarias de Justiça, Direitos Humanos e C...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook