Marido é procurado por assassinato a pauladas da esposa em ramal no Iranduba. Mulher estava nua e com sinais de estupro

Suspeitos foram presos e levados até Distrito Integrado de Iranduba, onde confessaram o homicídio de Keila Dourado, encontrada hoje num ramal. Foto: Divulgação

Keila Dourado de Souza, 41, foi encontrada morta a pauladas e com sinais de estupro, num ramal do Zé Ricardo, na chamada comunidade do Caldeirão, no Município de Iranduba, no KM 13 da rodovia AM-070, neste sábado (4).

O esposo da vítima Francisco Antonio Moreira do Nascimento, 39, é o principal suspeito, segundo depoimento de Robson Viana da Gama, 32, que esteve na cena do crime com Francisco.

Robson foi detido no bairro Mutirão do Cacau Pirera junto com Francisco das Chagas Sales, 38, segundo termo de declaração prestado na delegacia do 31º Distrito Integrado de Polícia (DIP). O marido está foragido.

Após a prisão, os homens informaram onde Keila foi morta, levando os policiais até o local, na mata, de difícil acesso. Na área foi achado o corpo da vítima, despida, com afundamento do crânio. Segundo familiares, o companheiro não aceitava a separação.

Pedido para não morrer

Robson contou, na delegacia, que Francisco atraiu e matou a esposa, depois de entrarem cerca de 1.200 metros do ramal. Em depoimento, o infrator disse que a mulher ainda chegou a pedir para não ser morta, por ser a mãe dos filhos de Francisco.

Com a dupla foi apreendido um veículo Corsa Classic Life, preto, placas JXE-5402, usado para levar Keila Dourado até o local do crime. A mulher estava desaparecida desde o Dia de Finados (2), tendo sido vista pela última vez com o esposo.

O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a remoção do corpo. Os infratores estão na delegacia, presos em flagrante, à disposição da Justiça.

Veja também

Professor indiciado por estupro e assédio é afastado das salas de aula, diz nota da Seduc Indiciado por corrupção de menores, estupro de vulnerável tentado e assédio sexual, o professor Márcio Robson da Silva Andrade, 45, lotado na cidade de Iranduba (distante 27 quilômetros de Manaus), está afastado do exercício das funções por determinação judicial.A inform...
Professor de Matemática é indiciado porque trocava notas por sexo em Iranduba Trocava notas por sexo. O delegado Fábio Aly (foto) explicou que equipe chegou até o infrator a partir de denúncias do Conselho Tutelar de Iranduba. Foto: Erlon Rodrigues/ PC-AMProfessor de Matemática é acusado de trocar notas por sexo. Márcio Robson da Silva Andrade, 4...
Em Iranduba, moradores prestigiam serviços de cidadania oferecidos pelo Governo do Amazonas Até às 15h deste sábado, um total de 4,5 mil pessoas foram atendidas com os diversos serviços oferecidos pelo programa. Foto: Secom Aproximadamente 4,5 mil pessoas (dados parciais) foram atendidas gratuitamente com serviços de saúde, segurança, cidadania, social, esporte e...
Soldado da PM e comparsas tem prisão preventiva decretada por juiz de Iranduba. Eles foram presos co... Sargento da PM e estudante de Medicina foi candidato a vereador e é apontado como líder do grupo. A prisão preventiva foi decretada por juiz de Iranduba. Foto: DivulgaçãoO juiz Igor de Carvalho Leal Campagnolli, da 2a Vara de Iranduba, decretou as prisões preventivas do...
Adolescente dedura comparsa que roubava postos de combustível em Iranduba Francisco Félix foi detido após polícia apreender adolescente envolvido em roubo a dois postos. Foto: Divulgação PC-AM Francisco Adriano dos Santos Félix, 19, foi preso por roubo majorado, por policiais da 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), situada em Irand...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook