Marido é procurado por assassinato a pauladas da esposa em ramal no Iranduba. Mulher estava nua e com sinais de estupro

Suspeitos foram presos e levados até Distrito Integrado de Iranduba, onde confessaram o homicídio de Keila Dourado, encontrada hoje num ramal. Foto: Divulgação

Keila Dourado de Souza, 41, foi encontrada morta a pauladas e com sinais de estupro, num ramal do Zé Ricardo, na chamada comunidade do Caldeirão, no Município de Iranduba, no KM 13 da rodovia AM-070, neste sábado (4).

O esposo da vítima Francisco Antonio Moreira do Nascimento, 39, é o principal suspeito, segundo depoimento de Robson Viana da Gama, 32, que esteve na cena do crime com Francisco.

Robson foi detido no bairro Mutirão do Cacau Pirera junto com Francisco das Chagas Sales, 38, segundo termo de declaração prestado na delegacia do 31º Distrito Integrado de Polícia (DIP). O marido está foragido.

Após a prisão, os homens informaram onde Keila foi morta, levando os policiais até o local, na mata, de difícil acesso. Na área foi achado o corpo da vítima, despida, com afundamento do crânio. Segundo familiares, o companheiro não aceitava a separação.

Pedido para não morrer

Robson contou, na delegacia, que Francisco atraiu e matou a esposa, depois de entrarem cerca de 1.200 metros do ramal. Em depoimento, o infrator disse que a mulher ainda chegou a pedir para não ser morta, por ser a mãe dos filhos de Francisco.

Com a dupla foi apreendido um veículo Corsa Classic Life, preto, placas JXE-5402, usado para levar Keila Dourado até o local do crime. A mulher estava desaparecida desde o Dia de Finados (2), tendo sido vista pela última vez com o esposo.

O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a remoção do corpo. Os infratores estão na delegacia, presos em flagrante, à disposição da Justiça.

Veja também

Tribunal julga 5 processos de feminicídios no Mês Nacional do Júri Vara do Tribunal do Júri julgou cinco casos de homicídios e tentativas de homicídio contra mulheres, sendo que em três deles houve condenação. Foto: ArquivoA 1ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Manaus julgou cinco processos de homicídios e tentativas de homicídios...
Mulher que teve 90% do corpo queimado pelo marido morre no 28 de Agosto após 45 dias internada Acusado de atear fogo na esposa, que morreu na noite de ontem, Claudenor Silva, 38, está no presídio em Parintins. Foto: DivulgaçãoDalva Célia Silva da Silva, 39, que teve 90% do corpo queimado pelo marido no município de Parintins (distante 369 quilômetros de Manaus), ...
Iranduba, Manacapuru e Novo Airão já têm terrenos para parque temático. Governo do Amazonas busca pa... O Amazonas vai apresentar os vários pontos positivos da instalação de um parque temático no Estado. Foto: Divulgação.Apresentar o Amazonas como um novo destino para a implantação de um parque temático no Brasil é o objetivo da participação do Governo do Estado no IAAPA ...
Genro é preso por matar sogro violento acusado de ameaçar e abusar da esposa e filha Durante bebedeira, a vítima ficou violenta e começou a agredir a esposa e a filha, ameaçando com revólver. O genro tentou intervir, o sogro reagiu atirando, mas acabou morto com três tiros. Foto: Erlon Rodrigues/ PC-AMOutro caso de violência doméstica em família acaba c...
STJ consolida que sexo com menor de 14 anos é estupro de vulnerável Sexo ou ato libidinoso com menor de 14 anos, independente de ter havido consentimento, é estupro de vulnerável, conforme entendimento do STJ em súmula. Foto: ArquivoSexo ou ato libidinoso com menor de 14 anos é estupro de vulnerável, independente de ter havido consentim...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook